A Receita Federal libera nesta sexta-feira (15) o valor da restituição do #Imposto de Renda dos contemplados no segundo lote. A consulta, para ver quem receberá o dinheiro no mês de julho, está aberta desde o dia 8.  Desta vez, são 1.490.266 contribuintes atendidos que juntos, vão receber R$ 2,5 bilhões.

Há também mais R$ 951,6 milhões que serão pagos às pessoas que têm preferência para receber a restituição, de acordo com a legislação vigente. São 51.310 portadores de moléstias graves, deficiência mental ou física e 477.147 contribuintes idosos. Algumas restituições que ainda não foram pagas, entre 2008 e 2015 também serão quitadas agora.

Publicidade
Publicidade

Não recebi a restituição do Imposto de Renda, e agora?

Os contribuintes que encontraram o nome como contemplados na restituição realizada no segundo lote e amanhã não receberem o valor, devem ir até uma agência do Banco de Brasil para pedir a liberação. Às vezes, um engano no preenchimento do dado bancário na hora de enviar a declaração do Imposto de Renda pode fazer com que o dinheiro não caia.

Uma alternativa é ligar para a central de atendimento através dos números 0800-729-0001 (ligação gratuita) para quem mora fora das capitais, ou para o 4004-0001 para pessoas que residem em capitais brasileiras. Há também um telefone especial para deficientes auditivos que é o 0800-729-0088. Todos os valores são pagos com correção da taxa básica de juros.

O valor fica disponível no banco por um ano.

Publicidade

Caso o contribuinte não vá até a agência liberá-lo neste período, depois será necessário requerer o dinheiro. Para isso, é preciso preencher um Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição.

Não fui contemplado no segundo lote, como procedo? 

Quem ainda não sabe se tem ou não direito a receber o valor da restituição neste dia 15 de julho, pode fazer a consulta através de celular, tablet ou computador com acesso a internet no seguinte endereço eletrônico: http://www.receita.fazenda.gov.br/Aplicacoes/ATRJO/ConsRest/Atual.app/paginas/index.asp.

Os que têm direito a receber a restituição do Imposto de Renda e ainda não estão no lote, devem ficar atentos aos próximos pagamentos. Até dezembro há mais cinco lotes a serem liberados. Porém, é importante ver no site da Receita Federal se o contribuinte não caiu na Malha Fina. Para isso, é necessário consultar o extrato no seguinte endereço: https://cav.receita.fazenda.gov.br/eCAC/publico/login.aspx. #Finança