A vida às vezes nos prega peças e surpreende com encontros e reencontros inimagináveis. Depois de quase 40 anos separados, o casal Ana Rita, de 52 anos, e Claudinei Dutra Vesco, de 58 anos, se reencontraram, o #amor que tiveram na adolescência falou mais alto e agora eles estão cruzando o Brasil em uma viagem que durará 6 meses, em uma Kombi 1979, com destino ao Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. A viagem é uma espécie de lua de mel do casal. 

A #aventura do casal se iniciou no dia 12 de agosto e eles estão tendo a realização de sonhos antigos de conhecer algumas cidades e pontos turísticos do Brasil, eles pretendem rodar 12 mil quilômetros pelas estradas brasileiras. 

Esse era um projeto de vida de Claudinei, que diz que sempre achou bacana a questão de pegar uma mochila e sair por aí, mas achava que não havia conforto nenhum nisso.

Publicidade
Publicidade

Então, ele comprou uma Kombi há 4 anos e começou a adaptá-la para conseguir fazer a viagem, só não sabia quando iria realizá-la. Depois que reencontrou a amada, o sonho aumentou e ela aceitou concretizá-lo juntos e assim que ele se aposentou começaram a aventura.

O casal saiu de Bragança Paulista/SP, onde moram, e o destino é a cidade de Barreirinhas, no Maranhão, pois querem conhecer o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Em uma semana de aventura já conheceram cidades de Minas Gerais, a primeira cidade em que pararam foi Santa Rita do Sapucaí, mas conheceram também Congonhal, São João Del Rey, Poços de Caldas e Lavras. No retorno eles pretendem conhecer Brasília, no Distrito Federal e Goiânia, em Goiás. 

Com a readequação da Kombi, o veículo possui cama, chuveiro adaptado e espaço para guardar mantimentos e itens de uso pessoal.

Publicidade

Eles procuram lugares mais seguros, como estacionamentos e postos de combustíveis, para passarem a noite e dormirem tranquilamente.  

De acordo com Ana Rita, que largou um emprego de babá para se aventurar com o marido, sempre que possível eles se alimentam na Kombi, no almoço geralmente comem legumes e verduras, às vezes compram um marmitex. Eles contam que estão cada dia mais animados com a viagem, aproveitando o tempo perdido e valorizando a companhia um do outro. 

Para que a família e os amigos possam acompanhar a aventura, foi criado um grupo no Facebook chamado ‘Minha casa, minha vida na Kombi’, onde compartilham imagens dos lugares visitados e relatam as aventuras vividas.

História do reencontro

Ana Rita e Claudinei namoraram por oito meses na adolescência, quando tinham 13 e 19 anos. Separaram-se, ela casou e teve três filhos e ele também se casou e teve quatro filhos. Depois que seus relacionamentos acabaram e separaram, continuaram pensando um no outro, até que ela o encontrou na rede social Facebook e marcaram um encontro, onde já recomeçaram o relacionamento.

Publicidade

Vesco afirma que sempre pensou em Ana Rita, que ela foi a mulher mais bonita que namorou. 

O casal, que acredita que foram feitos um para o outro, relatou uma série de situações e desencontros que ocorreram durante esses anos. Eles contam que moraram em São Paulo e os dois chegaram a vender salgados na rua, na mesma época. O primeiro filho de Ana Rita nasceu cinco dias antes do quarto filho de Claudinei, no mesmo hospital e poderiam ter se reencontrado lá. Ele trabalhou em uma firma que ficava em frente a um banco, onde ela trabalhava.

Ana Rita e Claudinei se casaram em dezembro de 2015 e segundo ela, está sendo tudo muito especial e eles estão realizando muitos sonhos e pretendem ficar juntos para sempre e já pensam em novas viagens com a companheira Kombi.  #reencontro