E quando você pensa que já viu de tudo, descobre que estava redondamente enganado.

Uma notícia está chamando a atenção de todo o Brasil, a Polícia Militar do #Rio de Janeiro descobriu por meio de denúncia que uma mulher estava tentando embarcar com uma criança de 11 anos dentro de uma mala na Rodoviária Novo Rio. 

Segundo o G1, a polícia informou que a mulher disse que conheceu a criança na rua, em um sinal de trânsito no Bairro de Botafogo no Rio de Janeiro. Ela afirmou que se compadeceu com a situação do menino. Por isso o levaria para Curitiba para cuidar do mesmo. Saibam mais aqui

Mulher tenta embarcar com criança dentro da mala na rodoviária do Rio de Janeiro

Uma pessoa que estava na rodoviária Novo Rio na cidade do Rio de Janeiro  na noite desta segunda-feria (1), por volta das 20h30, informou aos Policiais Militares do Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas, que viu a mão de uma criança saindo da mala de uma mulher que aguardava embarque naquele local.

Publicidade
Publicidade

A testemunha fez a descrição da suspeita para a PM, que passou a procurar pela mulher.

Em uma ação rápida os policiais militares encontraram a mulher identificada como Natasha Vitorino, de 23 anos, que afirmou aos agentes que pretendia adotar a criança e que por isso estava tentando embarcar no ela para a cidade de Curitiba, capital do Paraná.

Graças a denuncia e a atuação competente da polícia, ela foi impedida de embarcar poucos minutos antes da partida do ônibus, que seguiria para Curitiba a partir das 21h. 

Ainda segundo informações da polícia militar a criança foi encaminhada para o Conselho Tutelar da cidade e a mulher foi presa sob a acusação do #Crime de subtração de menores.

Nota do Consórcio Novo Rio

O Consórcio Novo Rio, responsável pela administração do terminal rodoviário Novo Rio, se manifestou sobre o caso através de uma nota a imprensa.

Publicidade

Na nota o Consórcio afirma que o policiamento continua reforçado no terminal que está com um esquema de segurança especial preparado para o aumento do movimento durante as Olimpíadas.

A administração também informou que por todo o terminal existem telões de plasma, com mensagens que orientam os passageiros e transeuntes a denunciar para a PM e seguranças qualquer atitude suspeita. #Casos de polícia