Uma excursão por motivos religiosos terminou de forma muito triste na manhã deste domingo (04), na cidade de Divinópolis, centro-oeste de Minas Gerais, depois que um menino teve o #braço amputado.

O ônibus de turismo passava pela Avenida Jk, perto da rodoviária da cidade, quando o menino resolveu andar com o braço para fora da janela. O grupo, que é da cidade de Juatuba, na região metropolitana de Belo Horizonte, já estava retornando para casa, após assistir a uma missa na cidade.

Testemunhas contaram aos policiais militares que o adolescente, de 14 anos, estava viajando com o braço para o lado de fora da janela, momento em que o motorista fez uma conversão e o braço foi atingido por um poste.

Publicidade
Publicidade

O garoto sentiu apenas uma pancada na hora do #Acidente e foram os colegas que avisaram que o braço tinha sido arrancado com a pancada.

Todos se desesperaram no veículo, mas pegaram o braço do menino e colocaram em um saco plástico com água dentro, enquanto esperavam que o socorro chegasse. Segundo a equipe de Corpo de Bombeiros, que fez o atendimento, o adolescente foi encaminhado para uma UPA 24h - Unidade de Pronto Atendimento - da cidade, onde recebeu os primeiros atendimentos necessários.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, devido à gravidade dos ferimentos, o jovem foi transferido para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, que fica em Belo Horizonte. Como o caso era grave a transferência foi realizada pelo helicóptero Arcanjo do Corpo de Bombeiros. 

Que esse triste incidente sirva de alerta para muitos pais que viajam com os filhos.

Publicidade

Não importa se em carro, ônibus ou moto, as regras de trânsito precisam ser cumpridas, para a nossa própria segurança e dos nossos familiares. Não permitam, de forma nenhuma, que crianças, adolescentes ou mesmo adultos, viajem com membros do corpo para fora do veículo. Infelizmente, acidentes acontecem e depois pode ser tarde demais para voltar atrás.

Não foi informado se será possível implantar o braço do garoto novamente, mas estamos na torcida para que isso seja realmente possível e ele possa levar uma vida normal. #amputação