O caso ocorreu em Comodoro, no Mato Grosso, neste domingo, dia 25 de setembro. Uma jovem de 18 anos foi presa após armar o sequestro da própria irmã mais nova de 15 anos. O tio das garotas ajudou a jovem a cometer o #Crime. O intuito da irmã mais velha era dar um susto na mais nova.

Como tudo aconteceu

Era domingo e a adolescente de 15 anos teria ido à igreja, e ao sair de lá teria sido abordada por duas pessoas encapuzadas que a obrigaram a entrar no veículo e arrastaram.

As pessoas que estavam no local e presenciaram a ação se desesperaram e ligaram para a polícia denunciando o crime.

Segundo o delegado responsável pelo caso, André Eduardo Ribeiro, a população acreditou que se tratava de um sequestro “verdadeiro”, e se apavoraram acionando logo ajuda policial.

Publicidade
Publicidade

A adolescente foi jogada dentro do carro e levada para um lugar onde possuía uma mata. Chegando lá a menina começou apanhar e permaneceu no local por 30 minutos apanhando. Depois da surra os sequestradores fugiram.

A polícia já estava fazendo as buscas nas redondezas para achar a menina. A adolescente foi encontrada às margens de uma rodovia. Ao ser resgatada, a menina estava sentindo muitas dores por causa das agressões sofridas. A polícia imediatamente socorreu a garota levando-a a uma unidade de saúde mais próxima. A adolescente foi atendida e liberada, se dirigindo em seguida à delegacia para prestar depoimento. Ao ser ouvida pelos investigadores, ela contou que reconheceu a voz de um dos envolvidos em seu sequestro.

Logo no dia seguinte a mãe das garotas se dirigiu à delegacia e informou aos agentes que o sequestro teria sido uma encenação armada pela filha mais velha.

Publicidade

Segundo ainda a mãe das jovens, a irmã mais velha queria dar uma lição na irmã mais nova, que estaria aprontando muito e fugindo com frequência de casa.

Nessa segunda-feira, 26, a irmã mais velha identificada como A.P.O.N de 18 anos foi apreendida pela polícia de Comodoro e assumiu ter armado o suposto sequestro para corrigir a irmã mais nova. Segundo a acusada, ela contou com ajuda de um tio, que conseguiu para ela uma máscara balaclava, luvas e uma arma de brinquedo, que foram usadas na “encenação”. A jovem que foi presa responderá pelo crime de sequestro e cárcere privado.

O delegado Ribeiro afirmou saber que era mais uma confusão provocada por brigas familiares, porém o crime havia sido cometido por ter mobilizado a segurança pública.

O tio das irmãs ainda não foi encontrado. Porém já está com mandado de prisão expedido pela Justiça e também responderá pelo crime de sequestro e cárcere privado. Todo material usado no crime assim como o veículo foram apreendidos pela polícia. #Casos de polícia