Cariocas ficaram chocados com a divulgação de imagens da câmera de segurança de uma viatura da Polícia Militar. De acordo com uma reportagem publicada neste domingo, 11, pelo jornal carioca Extra, ao todo, o vídeo mostra cinco policiais roubando traficantes. O assalto aos criminosos aconteceu depois de um tiroteio que terminou com a morte do chefe do tráfico na região, Vanílson Venâncio Gomes, o Tida. A ação ocorreu a mais de um ano, em abril do ano passado, no entanto, apenas agora as imagens da roubalheira foram divulgadas pelo Extra, que adquiriu o material com exclusividade. O vídeo exibe os agentes retirando objetos da mal de um veículo onde os traficantes estavam.

Publicidade
Publicidade

Em seguida, os mesmos objetos foram colocados na viatura da PM. 

Segundo a corporação, tais objetos nunca foram apresentados à delegacia da região, onde posteriormente o caso foi registrado. Após a revelação, os agentes da lei acabaram indiciados pelo #Crime. O indiciamento, no entanto, ocorreu apenas há três semanas, o que explica o fato das imagens somente agora estarem fazendo parte do dia a dia da mídia. O inquérito já foi concluído pela Corregedoria da PM e agora os policiais devem ser julgados pelas leis militares e também pela justiça comum. O traficante Tida acabou morto durante uma perseguição policial. Ele era braço-direito de Celso Pinheiro Pimenta, o Playboy.

O chefe do tráfico na região estava com os comparsas em um carro prata, quando a viatura da PM apareceu.

Publicidade

Houve então a batida dos veículos e Tida foi morto. As imagens divulgadas mostram o irmão de Tida e outro adolescente sendo tirados do carro. Um deles usava um relógio no pulso. Eles então deitam no chão e são revistados pelo menos três vezes pelos PMs. Dez minutos depois de deitarem no chão, os criminosos veem a mala do carro onde estavam revistada pelos agentes. É nesse momento que alguns objetos são retirados do automóvel. 

Já se sabe que a cena do crime acabou sendo desfeita, o que acabou causando prejuízo para o trabalho da perícia.  #Investigação Criminal