Cresce o número de casos em que vídeos proibidos são divulgados no WhatsApp e acaba sobrando para a polícia ter que descobrir os culpados e puni-los. O caso agora envolve uma garota de apenas 14 anos que foi estuprada e, após o crime ser gravado, teve o vídeo divulgado no aplicativo. No vídeo, é possível ver a menor sendo completamente exposta e as cenas de pornografia logo foram compartilhadas. É importante lembrar que, tanto a pessoa que posta o vídeo, como também aquelas que o divulgam, estão cometendo um crime e vão responder perante a Justiça.

O crime ocorreu em Concórdia, Santa Catarina, e agora está sob o cuidado da delegada Bricia Costa, que atua na Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso.

Publicidade
Publicidade

Bricia contou que já enviou o smartphone para a perícia e agora aguarda pelo resultado. A intenção não é só obter provas mais concretas contra o culpado, como também ter acesso às pessoas que compartilharam as imagens no #WhatsApp. O vídeo da garota sendo estuprada logo chegou a outras cidades e até mesmo a outros estados brasileiros. A Polícia Federal também também será acionada para ajudar nas investigações e, assim, conseguirem chegar a todos os envolvidos.

A Polícia Federal tem condições de descobrir quem mais ajudou na divulgação do vídeo e também aqueles que o armazenaram em seus aparelhos, pois, mesmo que a pessoa não compartilhe as imagens, mas guarde o vídeo, ainda assim estará cometendo um crime, pois se trata de armazenamento de imagens pornográficas envolvendo adolescente.

No caso do estuprador de Concórdia, ele irá responder pelo crime de #Estupro, uma vez que a vítima tem menos de 14 anos.

Publicidade

A Polícia Civil já conseguiu levar todos os dados que comprovam a configuração do estupro, pois sendo uma garota menor de 14 anos, nem o fato dela ter consentido isenta o sujeito da culpa.

Se você é usuário do WhatsApp e receber um vídeo pornográfico com criança ou adolescente nunca deve compartilhá-lo, pois é crime. Entre em contato com a delegacia de sua cidade e denuncie, porque a polícia no  Brasil está preparada para chegar até os criminosos e eles serão punidos. #Casos de polícia