Dentre as muitos motivos que levam o país à comoção com a perda precoce do ator Domingos Montagner, nesta quinta-feira (15), uma cena em especial traduz a intensidade da tristeza coletiva. Ela reúne as imagens da atriz, amiga e par romântico de Domingos na novela da  Globo “Velho Chico”, logo após o desaparecimento do companheiro de elenco.

No vídeo, ela aparece em prantos momentos depois de Domingos ser levado pela correnteza, no Rio São Francisco. Sentada em um barco que a resgatou, ela está inconsolável e com as mãos faz gestos que simulam uma espécie de redemoinho que teria ocorrido nas águas do Rio São Francisco no momento em que os dois mergulhavam.

Publicidade
Publicidade

Como todos sabem, a atriz conseguiu sair antes do rio e voltar para as pedras logo que percebeu a força da correnteza. Domingos também tentou voltar, mas não conseguiu. Ele foi puxado para o fundo do rio e ainda reapareceu duas vezes na superfície antes de sumir de vez.

Conforme Camila relatou no Boletim de Ocorrência, ela chegou a segurar a mão do colega por duas vezes, mas a força da água o levou de volta para o fundo. Camila então começou a gritar por socorro. Ela viu que ele dava sinais de cansaço e desespero antes de desaparecer por completo.

Depoimentos de dois pescadores que estavam próximos aos atores confirmam a versão. Eles foram os primeiros a chegar e a prestar socorro e reforçaram que a região não é apropriada para banho, embora não existam placas alertando para os riscos.

O ponto onde a dupla escolheu para se refrescar, na divisa de Sergipe com Alagoas, é considerado pelos ribeirinhos como o pior possível para mergulho, pois é justamente onde ocorre um encontro das águas, com a formação de fortes redemoinhos.

Publicidade

O teor trágico da história é que a #Morte do ator vem como uma infeliz coincidência, já que Santo, personagem de Montagner em “Velho Chico”, chegou a ser dado como morto na novela após sofrer um atentando e sumir no mesmo rio São Francisco, que inclusive dá nome ao folhetim.

No entanto, na ficção o final foi mais feliz, já que a personagem é encontrado por índios e “ressuscitado” com um beijo de Tereza, vivida pela mesma Camila Pitanga, que, embora tenha segurado a mão de Montagner em seu momento mais desesperador, não foi capaz de salvá-lo da morte.

#Acidente #Casos de polícia