Um garotinho de seis anos, de uma escola pública do município de Guajeru, interior da Bahia, perdeu todos os seus dentes quando ainda tinha três anos e sua mãe não tinha condições financeiras para bancar o tratamento do filho. Mas a vida de #Ryan começou a mudar, depois de um atendimento em um Programa de #Saúde na Escola (PSE), um dentista conheceu toda a história do garotinho e decidiu que iria ajudá-lo garotinho a sorrir, igual a seus amiguinhos da escola.

O primeiro atendimento foi realizado próximo à escola, em um Posto de Saúde da Família (PDF). A dentista nunca tinha vivenciado algo assim e foi o que a motivou ainda mais a ajudar Ryan a realizar seu #sonho de voltar a sorrir.

Publicidade
Publicidade

Amanda pediu para que a escola entrasse em contato com a mãe da criança, para ela levar e acompanhar Ryan até o consultório.

De acordo com a dentista, o menino era tímido no meio escolar, carente, não se comunicava com os demais alunos e se sentia excluído por causa do problema.

Segundo ele, a falta de dentes se deu por causa de cáries precoces que ele teve aos três anos, prejudicando tanto os dentes superiores quanto os inferiores. Foi feita uma radiografia que revelou a ausência de vários dentes também na parte inferior. Como o posto de saúde não oferecia tratamento com prótese, Amanda decidiu fazer algo por ele.

Ela bancou o tratamento e vai fazer todo o acompanhamento, pois agora Ryan já está com a prótese, e será necessária a troca conforme seu desenvolvimento.

O garotinho ficou muito feliz depois que recebeu a prótese.

Publicidade

Ele se levantou da cadeira e chorou de emoção e todos que estavam no consultório também não seguraram a emoção. Para ele, era muito além de ter os dentes, era ter de volta seu convívio social.

Os pais devem estar sempre atentos à saúde bucal das crianças para evitar o surgimento de cáries, disse Amanda. O grande sonho dele foi realizado dois dias depois do Dia das Crianças.

E, como de costume, Amanda postou essa história em seu Facebook e quando foi questionada a respeito da repercussão que teve, ela respondeu que não esperava tamanho reconhecimento de sua ação, pois essa não é a primeira vez que ela posta no Facebook suas histórias. Para a dentista, foi uma coisa muito gratificante, na sua vida profissional e pessoal.