Um crime seguido de agressão foi registrado no domingo (23), na comunidade Catita, em São Domingos do Capim, Pará. O suspeito foi identificado como João Valter de Almeida, 39 anos de idade, que espancou a sua esposa, identificada como Luzia do Socorro Almeida, 39 ano de idade, e logo após matou a sua sogra, Cândida Ferreira Almeida, 64 anos, a paulada. O autor do #Crime encontra-se foragido.

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito e a sua esposa estavam em casa quando de repente começaram a discutir e logo iniciaram uma luta corporal. A esposa do acusado pediu para seu filho ir chamar a sua avó. Chegando na casa da avó, o menino relatou que a sua mãe estava sendo agredida pelo seu pai.

Publicidade
Publicidade

Ao ficar sabendo que a sua filha estava sendo espancada, Cândida pegou um facão e dirigiu-se até a casa da filha para a socorrer das agressões.

Antes mesmo de chegar a casa da filha, Cândida foi surpreendida pelo genro no meio do caminho, ele pegou um pedaço de pau e deu várias pauladas na cabeça da vítima, que morreu no local antes mesmo do socorro chegar. Já a sua filha foi encaminhada para o hospital da cidade. Ela não corre risco de #Morte. O corpo de Cândida foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Castanhal, passou por exames de necropsia e logo após foi liberado para familiares para o sepultamento.

Leia também: Vídeo: mãe e padastro espanca criança de quatro anos por causa de estojo de maquiagem.

De acordo com o delegado Marcelo Luz, os policiais fizeram buscas na região, mas o acusado do assassinato não foi encontrado.

Publicidade

A Polícia Civil abriu um inquérito e o caso está sendo investigo. De acordo com o delegado Marcelo, a polícia não medirá esforços até que o acusado seja preso e responda pelo crime. Mas até o fechamento desta matéria. o acusado não foi localizado.

Um caso semelhante aconteceu em Santos-SP, no mês de setembro, de acordo com o porta G1, um homem tentou matar a sua sogra a marteladas. A vítima foi identificada como Geni Moreira dos Santos, 59 anos. De acordo com a polícia, a motivação do crime seria uma herança que a vítima teria recebido após a morte do marido. O acusado foi preso em flagrante e responderá por tentativa de assassinato. #Casos de polícia