Após a vitória de Marcelo Crivella, do PRB no Rio de Janeiro, para a prefeitura da cidade, a Igreja Universal, a qual o político tem laços, promete atacar a Rede Globo durante o programa "Fala que eu te Escuto", que irá ao ar na Record.

Eleito com 59,36% dos votos ante 40,69% de Marcelo Freixo, seu rival do PSOL, Crivella é sobrinho de Edir Macedo, dono da Record e líder espiritual da igreja. A edição do programa irá abordar os atritos entre o candidato e os meios de comunicação, incluindo a revista "VEJA" e a TV Globo.

No Twitter, o perfil oficial do programa "Fala Que eu Te Escuto" anunciou que responderá aos ataques sofridos por Crivella também pelo PMDB e pelo jornal "O Globo".

Publicidade
Publicidade

Um dos maiores ataques que Crivella sofreu foi a publicação de uma foto sua preso, na capa da revista VEJA, além de uma saia justa protagonizada pela apresentadora do RJTV, Ana Luiza Guimarães, que o "entrevistou" mesmo sem ele ter ido ao programa, na terça-feira (25). Ela leu todas as perguntas que faria caso o candidato estivesse presente e isso gerou diversos comentários nas redes sociais.

O programa vai ao ar na madrugada da Record, às 1h15 da manhã.

Edir Macedo: TV, igreja e política

Edir Macedo tem comprado briga em vários setores da sociedade. Na TV, trava uma batalha com a Globo há vários anos, principalmente em audiência, e tem adquirido grandes nomes da emissora carioca, como Xuxa Meneghel e vários de seus atores, principalmente os mais conhecidos.

Publicidade

Lançou também a Record News, emissora que, segundo o próprio Macedo, acabaria com o "monopólio de mídia" do Brasil.

A Igreja Universal, também ligada a Macedo, tem travado guerra contra a Igreja Católica. Um de seus bispos chegou a chutar uma imagem de Nossa Senhora durante um programa ao vivo. Além disso, a igreja não tem relações amistosas com a Igreja Mundial, também evangélica.

Na #Política, o PRB - Partido Republicando Brasileiro - tem elegido candidatos ligados à igreja e à emissora de TV, exemplo claro disto é o deputado federal Celso Russomano, que tem laços com a igreja e apresentou o "Patrulha do Consumidor", na TV. #Polêmica #Televisão