O mundo realmente está ficando moderno. Nesta quinta-feira, 13, um caso acabou repercussão nacional. Isso porque um morador de rua da cidade do Guarujá, no Litoral de São Paulo, teve uma ideia revolucionária para ganhar mais esmola. Após pedir dinheiro em carros e ouvir dos motoristas que esses não andavam com dinheiro, mas apenas cartões de crédito, ele decidiu arranjar um jeito de conseguir ter sua própria maquininha de cartões. Talvez o que ele não esperasse fosse a reviravolta que o caso tomaria. A foto dele com o objeto acabou viralizando na internet.

A reviravolta está fazendo com que autoridades queiram saber como o homem, que diz não ter poder econômico, conseguiu autorização para ter a tal máquina, se é que ela funciona.

Publicidade
Publicidade

A imagem foi publicada nesta segunda-feira, 10. Ela foi registrada por um vistoriador de contêiner, identificado como Alex Godoy. Na imagem, o marador de rua, que não teve nome identificado, aparece segurando a máquina, como quem aceita a modalidade de pagamento. Agora os motoristas não estão com muitas desculpas para dar esmolas a ele. Muitos tem sentido confusões em seus discursos, afinal, devem ou não fazer uma doação para o homem? 

O morador que publicou a foto na internet disse que nunca tinha visto um mendigo com maquininha de cartão e que muita gente não acreditaria nele. Por isso, fez a foto e divulgou com os amigos.  "Fui visitar um amigo meu no Guarujá e estávamos indo almoçar quando eu parei no semáforo no cruzamento da Avenida Adhemar de Barros. Naquela área sempre tem morador de rua pedindo esmola", explicou ele ao portal de notícias G1 ao relembrar como tudo aconteceu. 

De acordo com ele, o mendigo solicitava dinheiro nas ruas, até que se aproximou no carro que estava ele e o amigo.

Publicidade

Inicialmente, o homem solicitou moedinhas, mas como o motorista não tinha, o morador de rua apareceu com a máquina de cartão. O motorista elogiou o medido, dizendo que a maneira com ele encontrou de pedir esmola é criativa e descontrói a maneira antiga de se ganhar dinheiro dessa forma.  #Crime #Investigação Criminal