Acidentes de trânsito são muito comuns no Brasil e no mundo. A falta de sorte, um problema mecânico ou até o fato do motorista ter exagerado no uso de bebidas ou outras drogas, costumam ser os principais motivos para os acidentes  em todo o mundo. O Brasil é um dos recordistas de mortes no trânsito, especialmente quando uma moto está envolvida. Isso se dá por vários motivos. O principal deles é que a moto é menor segura. Uma queda, mesmo em baixa velocidade pode provocar machucados importantes. Além disso, não existe nenhum elemento para segurar o motociclista em sua "companheira" de jornada, como acontece com o cinto de segurança nos carros.

Publicidade
Publicidade

 

Uma câmera flagrou um acidente cinematográfico em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, como mostrou uma matéria do programa 'Leitura Dinâmica', da RedeTV!, exibida nesta sexta-feira, 29. O condutor da motocicleta, que havia bebido demais e ficou embriagado, foi arremessado em um córrego. O vídeo exibido pelo canal de Marcello de Carvalho e Amilcar Dallevo Junior é muito chocante e mostra o motociclista voando após ser atingido pelo carro. A sorte dele foi justamente que existia um rio perto da localidade. A água e plantas no local acabaram amortecendo a queda, fazendo com que o motociclista sofresse apenas ferimentos leves. 

O problema foi que o piloto da moto não estava sozinho. Com ele, havia também outra pessoa, um garupa. Esse sim não teve tanta sorte e o rio não foi suficiente para amortecer sua queda.

Publicidade

O garupa está em estado grave e corre o risco de morrer. O socorro aos dois envolvidos no acidente chegou rápido. O motorista disseque não teve o que fazer, já que o motoqueiro praticamente atropelou o carro dele. O condutor do carro não sofreu nenhuma lesão, mas ficou com o prejuízo da destruição parcial da parte dianteira do veículo.

Na região, muita gente disse que o piloto da moto estava se achando na sequência de filmes 'Velozes e Furiosos' e que já mantinha alta velocidade antes de bater no carro. Ele ainda não comentou as acusações. #Crime