Não se fala de outra coisa em muitos perfis na internet. Pessoas assustadas relatam que viram gente fantasiada de palhaço no meio das ruas. Algumas dessas estariam até supostamente cometendo crimes. Um homem de Goiânia usou o perfil para dizer que um palhaço com um serrote correu atrás dele e que isso não teria a menor graça, especialmente nas madrugadas. Tantas aparições fez com que a polícia de São Paulo agisse. De acordo com a entidade, tudo, pelo menos por enquanto, não passam de boatos na cidade. Não há qualquer registro de ocorrência do tipo na maior cidade do país.

O receio das autoridades, no entanto, é que pessoas por trás desses boatos comecem de fato a cometerem crimes.

Publicidade
Publicidade

Tal coisa já acontece nos Estados Unidos e no Reino  Unido, onde há até relatos de estupros com crianças de pessoas utilizando tal roupa. Uma das possibilidades é que a onda possa ter chegado ao Brasil por conta de um lançamento de um filme, mas como a polícia diz, não há nada oficial até o momento. Na internet, um evento para caçar palhaços chegou a ser criado. Ele aconteceria na grande São Paulo.

O movimento realmente foi forte nos Estados Unidos. Um palhaço que exibia notas de dinheiro e levava crianças para uma floresta levou a Polícia a emitir um alerta, dizendo que tal atitude não seria tolerada e que para manter a ordem, os agentes iriam agir. Vídeos mostrando o personagem que faz rir em situações macabras também ganharam as redes sociais. 

Em Londres, na Inglaterra, apenas no fim de semana, quatorze registros de ocorrência do tipo foram feitos.

Publicidade

No Reino Unido, os agentes emitiram um pedido, solicitando que quem visse os palhaços avisasse a polícia, que iria verificar se eles realmente estariam provocando alguma ação criminosa. 

De acordo com informações do portal de notícias G1, Uma das teoriaS diz que os palhaços estão conectados ao lançamento do filme de terror independente "31", do diretor Rob Zombie. A história tem o famoso personagem, conhecido pelo nariz vermelho, em situações sádicas.  #Crime