A onda de palhaços assustadores chegou ao Brasil e já vemos relatos por várias cidades do país, principalmente no estado de São Paulo, onde, no município de Valinhos, a Guarda Civil Municipal conseguiu prender um sujeito que andava aterrorizando a população. O indivíduo usava uma máscara aterrorizante de palhaço e ainda uma capa preta para deixar a fantasia ainda mais sombria. Depois, ele saia pelas ruas da cidade à noite correndo atrás das pessoas. Só que, na noite do último sábado (15), ele acabou sendo capturado e, ao tirarem a máscara, uma grande surpresa: era um jovem de apenas 16 anos.

Já era por volta das 21h30 quando uma mulher foi atacada pelo palhaço assustador.

Publicidade
Publicidade

Ela voltou correndo para casa, apavorada e imediatamente acionou os guardas. Ao ligar para a corporação, a vítima contou tudo que houve e deu os detalhes sobre o tal palhaço e a rua onde ele estava. A Guarda Civil imediatamente se dirigiu para o local e conseguiu pegar o sujeito que continuava a assustar as pessoas que por ali passavam.

Quando os integrantes da Guarda questionaram o adolescente por que ele estava fazendo aquilo, o jovem disse que era apenas uma brincadeira e que ele não queria fazer mal a ninguém, apenas dar alguns sustinhos.

A mãe do garoto foi chamada e ficou sabendo de tudo que o filho andava fazendo nas noites que ficava fora de casa. Em seguida, o jovem foi entregue para sua mãe que agora terá a missão de ensiná-lo que até brincadeira tem limites, principalmente quando se trata de se vestir de palhaço para assustar as pessoas, um assunto que está em alta e vem causando pânico na população.

Publicidade

Para evitar problemas, a máscara e também a capa preta continuaram em poder da Guarda Civil.

Nos Estados Unidos, a onda dos palhaços aterrorizantes começou há pouco mais de um mês e se espalhou por todo o país. Várias cidades já sofreram e sofrem até hoje com as aparições de pessoas que usam a fantasia de um palhaço malvado para levar pânico às ruas.

Graças à internet, os vídeos dos palhaços assustadores logo se espalharam para o mundo todo e a Europa foi a primeira a "importar" a ideia, e logo já havia por lá um grande número de pessoas que aderiram à brincadeira, só que não tem ninguém achando graça.

O problema maior é que os palhaços não estão apenas assustando, eles também assaltam e ferem as pessoas, uma vez que bandidos aproveitam da situação para se fantasiarem e não serem reconhecidos nos crimes que cometem.

Aqui no Brasil, o problema vai se agravando e a descoberta de um jovem de apenas 16 anos, fantasiado de palhaço e assustando as pessoas, deixa claro que é preciso fazer algo urgente. #Polêmica #Crime #Casos de polícia