Na última semana, uma onda de palhaços do mal acabou tomando conta da internet brasileira. Apesar de nenhum caso comprovado no Brasil, o personagem que geralmente leva alegria às pessoas, passou a dar medo. Neste fim de semana, um "Palhaço do bem" acabou sentindo como as pessoas estão aterrorizadas com esse boato. Na cidade de Uberaba, em Minas Gerais, Thiago Alves, de trinta e um anos, estava indo fazer um trabalho voluntário, quando foi linxado dentro de um ônibus. Algumas pessoas foram para cima do homem, mas um em especial bateu nele. O motivo? Todos achavam que ele estava nas ruas para colocar medo nas pessoas. 

Em entrevista dada ao G1, Thiago disse que se fantasia de palhaço há pelo menos dez anos.

Publicidade
Publicidade

Com o trabalho, ele visita creches, hospitais, asilos e outras entidades. Tudo isso é feito em regiões carentes. Assim como fez várias vezes na última década, o homem se caracterizou e foi pegar a condução até o evento marcado. Ainda no momento em que estava no ponto de ônibus, a polícia o abordou. Os agentes da lei questionaram para onde ele estava indo. Os policias solicitam para o homem sair do local, mas ele disse que havia pago para estar ali. Na cidade, o transporte de ônibus tem pontos com uma espécie de "tubo", também chamado de BRT. 

Os policiais acreditaram na história e liberaram o homem. As pessoas, no entanto, começaram a hostilizar ele. Ainda no ponto, pelo menos quatro cidadãos o hostilizaram. "Vi que as pessoas estavam com medo, então, procurei um assento que não fosse atrapalhar ninguém”, disse o homem espantado com a reação que aconteceu após a repercussão na internet. 

Já no ônibus, pessoas ameaçaram bater nele.

Publicidade

Enquanto era xingado, Thiago disse que estava indo à uma festa e que não tinha nada a ver com o movimento, que acontece no exterior, que tem o objetivo de assustar as pessoas. Fantasiado, o homem ligou para a polícia, com medo de que a situação fosse piorar. Uma das pessoas que via a cena não gostou e começou a bater nele. Ele foi linxado pelo rapaz, mas acabou salvo pelos outros passageiros. Os dois foram presos e levados para a delegacia.  #Crime #Investigação Criminal