"Estou arrependido", foi assim que um dos rapazes musculosos vistos em um vídeo que viralizou na internet se pronunciou após o caso tomar proporções inimagináveis. De acordo com o site 'Campo Grande News', o episódio aconteceu na capital do estado de Mato Grosso, Campo Grande, no dia 18 de setembro, mas somente agora as imagens se espalharam nas redes sociais de todo o país. As agressões foram feitas no bairro Jacy e um dos homens que aparece batendo em um rapaz, supostamente apenas por ele ter urinado na roda de seu carro, seria Jhonny Celestino Holsback Belluzzo, 19 anos.

No vídeo, nenhum dos agressores parece ter qualquer piedade da vítima, que aparece jogada ao chão.

Publicidade
Publicidade

O advogado de Jhonny disse que o rapaz agora está sendo ameaçado e que estaria com receio disso, afinal, com ele pode acontecer algo parecido com a vítima do vídeo. O agressor teria afirmado que estariam organizando um revide e há uma perseguição nas redes sociais para encontrá-lo. De fato, fotos do suposto agressor, nome, telefone e até endereços chegaram a ser compartilhados por internautas no Facebook. Gente que, de alguma forma, tentou fazer "justiça". É sempre bom lembrar que o ideal é enviar esses casos para as autoridades locais, evitando assim cometer um ato criminal. 

De acordo com o advogado do rapaz que bate em outro homem no vídeo viral, os parentes do homem estão muito apavorados e que estão tentando reparar o erro cometido por ele. Além disso, eles dizem que Jhonny não tem ficha criminal suja, pelo contrário, teria emprego fixo e nunca foi acusado oficialmente de nada.

Publicidade

Segundo o profissional da justiça, tudo aconteceu em um momento de raiva - não justificável - mas que isso não iria mais se repetir.

Piadas sobre o fato do agressor se dizer arrependido estão agora ecoando na internet. O advogado do agressor, no entanto, diz que seu cliente até procurou psicólogos para entender o que estaria acontecendo com ele. Além disso, ele teria procurado a vítima para pedir desculpas pelo o que aconteceu. O rapaz que apanha nas imagens teria desistindo de iniciar um processo. Não foi dito se houve algum acordo monetário para isso.  #Crime #Investigação Criminal