O ex-presidente de #Cuba, Fidel Castro, morreu aos 90 anos, na madrugada desta sexta, dia 25, em Havana, capital de Cuba. A informação foi divulgada pelo seu irmão Raúl Castro na TV estatal: "Com profunda dor compareço para informar ao nosso povo, aos amigos da nossa América e do mundo que hoje, 25 de novembro do 2016, às 22h29, faleceu o comandante da Revolução Cubana, Fidel Castro Ruz", disse Raúl Castro.

Raúl Castro também anunciou que o corpo de Fidel será cremado: "Em cumprimento da vontade expressa do companheiro Fidel, seus restos serão cremados nas primeiras horas" deste sábado, prosseguiu o irmão.

A #Morte do político Fidel repercutiu nas redes sociais e comoveu alguns internautas, mas gerou comentários críticos do apresentador Danilo Gentili e do deputado federal do Partido Social Cristão (PSC) Jair Bolsonaro.

O apresentador e humorista Danilo Gentili do programa The Noite (programa apresentado no SBT) fez piada no Facebook com a morte de Fidel Castro.

Publicidade
Publicidade

"Satanás aproveitou a Black Friday e levou o Fidel com 90% de desconto”, escreveu o apresentador em um dos seus posts no Twitter. Em outro, ele diz que Fidel foi recepcionado com festa no inferno. “Ao chegar no inferno Fidel Castro se surpreende ao ver na parede a sua foto escrita 'Funcionário do mês'".

O deputado federal do Partido Social Cristão (PSC) Jair Bolsonaro publicou um vídeo comemorando morte de Fidel: “Um super bom dia a todos, afinal de contas, Fidel Castro mor-reu. O surpreendente: seu irmão anuncia cremação do corpo para logo mais. Queimar por quê, Raul? Se ele já está ardendo nas profundezas do inferno? Fidel Castro... um grande exterminador de liberdades e promotor da miséria do mundo todo... certamente terá - ao lado de ídolos do PT, PCdoB e PSOL - uma estadia eterna nas profundezas do inferno", foram as palavras de Bolsonaro.

Publicidade

Fidel foi considerado um grande líder revolucionário e cheio de convicções para alguns, mas ditador para outros, ele foi o responsável por implantar o regime comunista em Cuba, em meio à Guerra Fria. #fidelcastro