Na última terça-feira (08), um rapaz foi filmado pela mesma câmera de segurança que tentava roubar em um bar, no bairro Uruguai, em Salvador, Bahia. O crime aconteceu de madrugada, na rua 25 de março, e irritou o dono do estabelecimento que disse não ser a primeira vez que tem o aparelho levado. No entanto, no último roubo o ladrão não foi esperto o suficiente para esconder o rosto e poderá ser identificado pela polícia.

Pelas imagens é possível ver o jovem se aproximando, ele está sem camisa e usando calça jeans, aparentemente ele se apóia em algum objeto para alcançar a câmera. No entanto, no momento em que tenta tirar o equipamento do lugar fica com o rosto bem próximo sendo filmado detalhadamente.

Publicidade
Publicidade

O dono do local vem sofrendo constantemente com a ação dos bandidos, segundo ele até as lâmpadas do bar estão sendo roubadas.

Ele chegou ao ponto de ter que colocar grade e cadeado nos objetos de maior valor e nem assim está conseguindo resolver o problema. A polícia foi chamada e registrou boletim de ocorrência, diante das imagens será possível identificar mais facilmente a identidade do suspeito. Para quem tiver mais informações sobre o ladrão, pode entrar em contato com a polícia através do disque-denúncia.

O índice de criminalidade brasileiro é alarmante e preocupa e atrapalha as pessoas em seu cotidiano. O Brasil tem a terceira maior taxa de roubos registrada na América Latina, segundo o relatório do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud).

Dados de 2011 apontavam uma taxa de roubos a cada 100 mil habitantes de 572,2, um número bastante alto, e que ainda é mascarado pelo fato de que muitos roubos não são reportados à polícia.

Publicidade

Em Salvador essa realidade não é diferente, a capital baiana, conta com um índice de criminalidade elevado, e o número de roubos reportados é crescente.

Um exemplo é o roubo de carros na capital, a cada uma hora e vinte minutos um carro é roubado na cidade, houve um aumento de 6,5% no número de veículos roubados em relação ao ano de 2014. A situação fica ainda pior quando os roubos vêem acompanhados de violência e assustam a população. Uma triste realidade que tende apenas a aumentar.

#Crime #Investigação Criminal