Um vídeo que circula nas páginas noticiosas de cunho policial no Facebook mostrou mais um caso de violência flagrado por câmeras de segurança nas grandes cidades do Brasil.

Neste caso em especial, as imagens chocam pelo fato da vítima ser uma mulher, abordada por dois homens armados. Pelas informações descritas na tela da câmera, o #Crime aconteceu no último dia 11 de novembro, às 20h35.

O vídeo, que tem um minuto e 18 segundos, registra a movimentação dos bandidos em o que parece ser uma garagem de um prédio. Pelos reflexos na cena de luzes de faróis é possível ver que tudo acontece bem próximo a uma avenida movimentada.

Publicidade
Publicidade

Porém, não é possível saber se onde os três estão é campo de visão dos motoristas que passam.

A dupla de criminosos aproveita que está sozinha com a moça, arrastada para o local ermo, e a derruba no chão violentamente.

Depois o que se segue são cenas fortes de muita violência. Os bandidos têm como objetivo a mochila que ela carrega. Antes de conseguir arrancá-la, eles retiram tudo o que podem, inclusive o celular. Enquanto um dos criminosos segura a arma apontada para a cabeça da jovem, o outro revista sua roupa e pega o que acha de valor.

Um dos assaltantes coloca o celular roubado dentro da calça para ficar com as duas mãos livres e ajudar a pegar o alvo maior, que é a bolsa.

A vítima se debate e tenta não ceder. Diante da reação eles então começam a bater nela. A arrastam com força e puxam a sua mochila, que ela não solta.

Publicidade

A moça chega a segurar o objeto com os pés e os bandidos, com muitas dificuldades, passam a dar chutes, socos e tapas. Ela se mantém resistindo e eles a arrastam ainda mais até quase saírem do enquadramento da câmera, onde desferem mais socos e tapas.

Depois de mais de um minuto de luta, os três saem do espaço de captura das imagens. Não há informações se a moça está viva ou apenas ferida.

Nas descrições e comentários do vídeo que roda nas redes sociais muitos internautas indignados mencionam críticas a quem defende o direito dos bandidos.

#Casos de polícia