Em São Lourenço da Serra, na tarde de hoje, um helicóptero sofreu um #Acidente e veio a cair, matando uma noiva a caminho do casamento, juntamente de seu irmão, a fotógrafa do evento, que estava grávida de seis meses, e o piloto.

Segundo organizadores do buffet da festa, o noivo já aguardava a chegada da noiva no altar quando soube que a noiva estava no helicóptero que veio a cair. A chegada de helicóptero era uma surpresa que a noiva havia preparado para o casamento.

Ao tomar conhecimento do acidente, Carlos Eduardo Batista, um dos organizadores da festa, informou ao noivo o acontecimento, que ficou em estado de choque com a notícia.

Publicidade
Publicidade

Depois dele, todos os convidados, aproximadamente 300 pessoas, foram informados da tragédia. Com o choque, ninguém sabia exatamente como devia-se proceder: alguns permaneceram no local juntamente da família, outros começaram a ir embora para deixar a família mais à vontade para lidar com a informação e com os trâmites funerários.

O casamento estava marcado para as 16h, mesmo horário aproximado em que o acidente aconteceu. Os noivos moravam em Taboão da Serra, #São Paulo, e tinham, aproximadamente, 30 anos de idade. Todas as vítimas morreram no local do acidente.

O helicóptero decolou de Osasco e caiu cerca de 2 quilômetros do local em que a festa seria realizada.

A queda da aeronave ocorreu na Estrada da Barrinha e cerca de oito carros do Corpo de Bombeiros ao local. O helicóptero caiu em uma região de mata fechada, próxima à Rodovia Régis Bittencourt.

Publicidade

As causas do acidente serão investidas pelas autoridades competentes. Instantes depois do acidente, foram constatados neblina e chuva de moderada a intensa na região.

Quase todos eram evangélicos

Exceto o piloto (que não temos informação), a noiva, seu irmão e a fotógrafa Nayla Cristina, que estava grávida de seis meses, eram evangélicos. A fotógrafa pertencia à Congregação Cristã no Brasil, segundo informações apuradas por nossa equipe com familiares de Nayla. Ainda de acordo com os familiares, Nayla era "nascida em lar cristão" (de acordo com os membros da Congregação, isso significa que a pessoa sempre pertenceu à igreja) e tocava órgão eletrônico nos cultos celebrados pela Congregação. Não temos informações sobre o serviço sacro de funeral realizado pela igreja. #avião