O policial militar, Bento Teixeira Borges, de 36 anos, foi morto ao tentar acabar com uma briga generalizada entre facções de uma mesma gangue, que acontecia no estacionamento do Posto Batovi, na entrada da cidade de São Gabriel, Rio Grande do Sul.

A Polícia Civil informou que a briga teria acontecido por causa de uma mulher que teria ido ao banheiro e teria sido assediada por um homem. Esse motivo gerou uma confusão entre facções diferentes de uma mesma gangue do bairro Élbio Vargas, a maior parte dos integrantes pertenciam à facção Bonde do João de Barro.

O tenente Borges passava pelo local na hora da confusão, e funcionários do posto estavam desesperados querendo uma ajuda.

Publicidade
Publicidade

Mesmo sozinho e a paisana o policial resolveu ajudar, porém ele estava com pouca munição, e ao tentar acabar com a confusão ele foi atacado por um dos grupos. O PM então reagiu com alguns tiros, e ficou sem munição, e acabou sendo atacado por mais de vinte pessoas. Que o atingiram com golpes de facão, pedradas e chutes.

Após receber os golpes de facão, o policial ainda tentou fugir, mas não conseguiu e foi cruelmente atacado e morto pelo grupo.

O delegado que investiga o caso, informou que o tenente chegou a ser socorrido e levado ao Hospital Santa Casa de Caridade, mas estava gravemente ferido, muitas perfurações de facão, e múltiplas lesões pelo corpo e rosto, causadas por pedradas e espancamento. E vindo a óbito logo ao dar entrada na unidade de saúde.

Um adolescente de 16 anos, também teria sido morto na confusão, ele foi identificado como sendo João Gabriel Ferraz da Silva.

Publicidade

Borges era casado e deixa uma filha pequena, com apenas dois anos de idade. O enterro do policial foi regado a muita comoção, o caixão com o corpo foi levado ao cemitério em um carro do corpo de bombeiro. O enterro teve várias homenagens, e foi acompanhado por diversas viaturas do 4º Esquadrão da Polícia.

Durante a carreata que foi seguida por policiais e populares, pediam paz na cidade. Borges foi enterrado com honras militares na noite de domingo (25), o #Crime chocou a população de São Gabriel.

Cinco pessoas que estavam envolvidas na confusão foram presas, dentre elas 2 adultos e três menores. Irão responder pelo crime de homicídio triplamente qualificado. A polícia prossegue as investigações para a apreensão de mais envolvidos na morte do tenente.

#Investigação Criminal