Quando você pensa que já viu ou ouviu de tudo, se depara com uma notícia que por mais absurda que pareça é verdadeira.

O que dizer de homens covardes e animalescos, capazes de estuprar e agredir uma mulher, se escondendo atrás de uma máscara do '#Homem-Aranha' e de um palhaço? São no mínimo execráveis concorda?

De acordo com o portal online do Jornal O Tempo, o crime aconteceu na cidade de Uberlândia, localizada no Triângulo Mineiro. A vítima é uma mulher de 43 anos, que além de ser estuprada pela dupla mascarada, ainda foi ferida com um estilete e roubada. Saiba mais aqui.

Herói e palhaço do crime

Segundo a Polícia Militar de Uberlândia, a dona de casa de 43 anos, relatou que foi abordada no interior do seu veículo, quando estava na rua Jasmim, localizada no bairro Cidade Jardim.

Publicidade
Publicidade

Com um estilete os homens a ameaçaram e ela foi obrigada a descer do carro.

Estupro e humilhação

Assim que saiu do carro a mulher foi obrigada pelos homens a entrar em uma mata próxima ao local da abordagem. Sempre a ameaçando e chamando-a de 'vagabunda', ela levou vários socos e pontapés, em seguida, eles arrancaram suas roupas e começaram a abusar sexualmente da vítima.

Ela contou que um dos homens passou a língua em seus seios e depois em sua vagina, não satisfeitos cometeram outros atos libidinosos com a vítima. Ela relatou ainda que depois de passarem o estilete por todo o seu corpo, o introduziram em sua vagina.

Depois de cometer tal barbárie, o 'palhaço' e o 'Homem-Aranha' fugiram do local, levando R$3 mil reais da vítima que estava no carro.

Desorientada

Nua e desesperada a mulher conseguiu encontrar seu celular e ligou para o marido pedindo ajuda.

Publicidade

A Polícia Militar foi acionada, os militares relataram que quando chegaram no local, se depararam com a vítima totalmente nua e desorientada.

Pessoas que moram próximas ao local se solidarizaram com a situação da mulher e arrumaram um vestido para que ela se cobrisse enquanto o boletim de ocorrência era registrado.

A mulher foi socorrida e encaminhada para a UPA - Unidade de Pronto Atendimento do Bairro Planalto, onde foi medicada e liberada em seguida.

Ninguém foi preso até o momento, a PM continua buscando informações que levem ao paradeiro do 'Homem-Aranha' e do palhaço. #Estupro #Casos de polícia