Um vídeo flagrado por câmeras de segurança de uma residência mostra um ladrão que tentou roubar a motocicleta de uma mulher se dando muito mal pela ousadia.

Ele quase conseguiu seu intento, mas acabou levando o troco. As imagens, com duração de 38 segundos, foram compartilhadas nas redes sociais e contaram com muitos aplausos.

Pela sequência das cenas é possível ver quando um homem se aproxima de uma mulher e de um outro homem, ambos com capacetes e próximos a uma motocicleta.

O suspeito diz alguma coisa para os dois, o que faz com que o rapaz saia logo de perto, antevendo o perigo. A motociclista não tem a mesma reação imediata e fica vulnerável à abordagem do ladrão.

Publicidade
Publicidade

Ela até dá alguns passos para trás para tentar escapar do assaltante, mas acaba virando presa.

O meliante avança para cima da moça e tenta pegar a chave da motocicleta que ela leva consigo. A vítima reluta em entregar. Ele a força, segurando seus braços, a empurrando e puxando o objeto. Não é possível ver se o bandido está armado.

Também não é possível ter certeza se ele consegue mesmo pegar a chave. O fato é que depois que ele para de lutar com a moça ele monta em uma das motos e arranca, tentando fugir da cena do #Crime.

Surpreendentemente, um homem aparece correndo na direção do ladrão e lhe desfere uma voadora no tórax. Ele perde o equilíbrio, mas não chega a cair quando na sequência um outro rapaz aparece e dá uma segunda voadora, desta vez na cara do meliante.

Ele cai e passa a ser agredido, inclusive pela vítima do roubo, que usa seu capacete como arma.

Publicidade

Na sequência mais três pessoas aparecem e ajudam a agredir e imobilizar o ladrão, que fica caído sem condição de reagir.

Pelas inscrições que aparecem na tela do vídeo o caso aconteceu no último dia 28 de novembro, às 12h28. Num dos posts do Facebook onde o material foi publicado não informações da cidade onde tudo aconteceu.

Em apenas oito horas mais de 180 pessoas compartilharam a publicação. Foram ao todo mais de 21 mil visualizações apenas em um perfil.

#Investigação Criminal