O turismo gastronômico é uma tendência mundial. Cada localidade possui sua culinária própria e característica, o que é um atrativo a mais, além das visitas a pontos turísticos, museus, praias, ou seja qual for o motivo pelo qual determinado lugar foi escolhido por seus visitantes.

Além de fazer parte da cultura, a #Gastronomia ganhou certo glamour, com o incremento da profissão de "chef de cozinha" e a proliferação de cursos especializados.

Também contribui para aumentar o desejo da experiência gastronômica, a indicação que é feita por guias a partir da análise de especialistas. O maior exemplo é o famoso guia Michelin, que classifica restaurantes com uma, duas ou três estrelas.

Publicidade
Publicidade

Impresso sigilosamente desde 1900, este guia é o mais respeitado do mundo, mas não é o único. Também alguns sites de viagens, como o "Tripadvisor", publicam um ranking dos melhores de cada país.

Os premiados do Brasil

Os critérios de avaliação incluem a qualidade dos produtos utilizados na cozinha, o cozimento e os sabores, a personalidade do chef, a relação custo/benefício e a regularidade no tempo de espera e no conjunto do cardápio. No Brasil, o famoso e temido guia teve até hoje apenas duas edições, 2015 e 2016, nas quais constam estabelecimentos do Rio de Janeiro e de São Paulo.

O país ainda não conta com nenhum "três estrelas". O único "duas estrelas" brasileiro fica em São Paulo e manteve a classificação em ambas as edições, para alívio do famoso chef Alex Atala, que revelou alguns de seus segredos no programa que apresentava no canal GNT, até 2015.

Publicidade

Com uma estrela Michelin, São Paulo tem doze e o Rio de Janeiro seis restaurantes.

Mas o que é considerado o melhor para os críticos gastronômicos, nem sempre leva o turista a conhecer o que é realmente local. A internet é uma grande aliada para a pesquisa sobre pratos típicos, tanto em sites de #Turismo quanto em blogs de viajantes.

Uma das dicas do site Skyscanner é a serra gaúcha, onde é possível visitar vinícolas e restaurantes que, em sua maioria, servem a comida típica da colônia italiana. No site oficial do Vale dos Vinhedos, o turista que deseja conhecer o Rio Grande do Sul encontra todas as dicas.

No Norte, Manaus é conhecida por sua gastronomia exótica, repleta de curiosidades devido às iguarias, encontradas somente na região.

Confirmando a diversidade da cozinha brasileira, entre o extremo Sul e o extremo Norte do país, os destaques ficam com Recife, Pernambuco, Salvador, na Bahia, Pirenópolis, em Goiás, na capital mineira Belo Horizonte e em Vitória, Espírito Santo.

Ao planejar sua #Viagem, pesquise sobre a gastronomia típica e aproveite para conhecer novos sabores. A experiência é uma delícia!