Na tarde de ontem (19), mais um vídeo chocou a população mineira e de todo o Brasil. Foram divulgadas, nas redes sociais, imagens mostrando Luiz Felipe Neder, de 34 anos, agredindo sua esposa, que é delegada de polícia, momentos antes de agredir a Guarda Municipal, Edvânia Nayara Ferreira, de 23 anos.

O vídeo já teve milhares de visualizações nas redes sociais e tem revoltado o país inteiro. O que deixa todo mundo chocado é que a delegada, Ana Paula, é responsável pela Delegacia de Proteção à Mulher no município de Três Corações, em Minas Gerais. No momento da agressão, tanto dela quanto da guarda municipal, a policial não fez nada para que seu marido fosse preso.

Publicidade
Publicidade

O caso

Luiz Felipe Neder, de 34 anos (comerciante), agrediu brutalmente Edvânia Nayara, de 23 anos (Guarda Municipal de Três Corações). Edvânia fazia segurança de uma festa quando foi surpreendida com a briga do casal. A esposa, que é delegada da Delegacia de Proteção a Mulher, no momento da agressão jogou a chave do carro para a guarda. Após isso, o esposo da delegada se dirigiu até a guarda e deu-lhe um soco em seu rosto, em seguida pegou-lhe pelos cabelos e jogou-a no chão efetuando vários golpes violentos na vítima. A Polícia Militar foi acionada e fez a prisão em flagrante do agressor, que está agora respondendo um inquérito por lesão corporal de natureza grave e ameaça. As imagens da agressão foram divulgadas nas redes sociais.

Imagens flagraram a delegada sendo agredida - assista o vídeo

Na imagem é possível assistir o momento em que Luiz Felipe Neder dá uma gravata no pescoço da esposa (delegada) e depois, contra a vontade de Ana Paula, a leva para o carro e continua a agressão, dentro do carro do casal.

Publicidade

Mostra também o momento em que a guarda municipal se aproxima do veículo e pega a chave do chão, que foi jogada pela delegada que está gritando dentro do carro. Quando a guarda pega a chave, a delegada sai correndo e Felipe Nader começa a agredir verbalmente Edvânia e em seguida ocorre o espancamento e a agressão.

De acordo com o delegado que investiga o #Crime, Luiz Felipe continuará detido até o juiz decidir o desfecho do caso. #Investigação Criminal