Permanece na UTI o apresentador de TV Mariano Marques, muito conhecido no meio televisivo e carnavalesco do Estado do Piauí. Ele foi vítima de um assalto onde recebeu algumas facadas e teve de ser operado.

A cirurgia, realizada nesta segunda-feira (23), foi considerada bem sucedida, mas o profissional continuará na unidade de terapia intensiva do Hospital de Terapia Intensiva (HTI), sem previsão de alta.

Agora os médicos farão o monitoramento nas próximas horas para acompanhar a evolução do paciente. O procedimento pelo qual ele passou foi uma cirurgia vascular. Já as facadas ocorreram nos dois braços. Apesar do grave ferimento, Marques já teria recuperado a consciência.

Publicidade
Publicidade

Mariano Marques é muito conhecido no meio carnavalesco. Ele é cabelereiro e conduz um programa na TV que fala de sambas enredo e promove muitos concursos de Carnaval. Ele é conhecido também por ter saído como destaque em várias agremiações carnavalescas locais. Também realizou em muitas oportunidades o antigo concurso Miss Gay em Teresina.

Assalto

O assalto ocorreu em um bar no Centro de Teresina, na noite do último sábado (21), quando Marques conversava com colegas. Ele foi até o seu carro, estacionado nas proximidades e lá foi abordado por um bandido. Não há informações se ele resistiu ao assalto.

Alguns amigos do profissional que dizem que Marques não esboçou qualquer reação ao roubo e ainda assim foi esfaqueado nos dois braços. O membro esquerdo foi atingido com mais gravidade porque alcançou uma artéria, o que fez com que o apresentador perdesse muito sangue em pouco tempo.

Publicidade

Por esse motivo, Marques desmaiou no local enquanto estava sendo socorrido.

Para os profissionais médicos, por pouco a perda intensa de sangue não levou a vida do apresentador. Ajudou muito o fato de ele ter sido socorrido por uma enfermeira que passava no local, que fez os primeiros procedimentos para conter um pouco a saída de sangue.

Ela amarrou o braço do apresentador improvisando um torniquete com uma camisa para estancar o sangue. Imediatamente o levou para o Hospital de Terapia Intensiva, localizado no bairro do Piçarra.

Testemunhas afirmam que o homem que abordou o apresentador agiu sozinho.

A polícia segue investigando a autoria do ataque. A hipótese de tentativa de homicídio não está descartada. #Crime #Casos de polícia