Nesta segunda-feira, 23, qualquer detalhe da investigação da morte de Teori Zavascki passou a ser censurado. A decisão é do juiz Raffaele Pirro, de Angra dos Reis. A censura é para dar sigilo e imparcialidade a investigação do Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), falecido na última sexta-feira, 20, em um #Acidente aéreo, na cidade de Paraty. Teori estava com outras quatro pessoas na aeronave, que caiu a 4 Km do aeroporto da região. Todas morreram. Antes de viajar, muitos elementos acabaram criando teorias da conspiração que dizem que o Ministro poderia ser morto. Em uma delas, por exemplo, o próprio filho de Teori, Francisco, disse em uma rede social que, caso algo acontecesse com seu pai, que todos já sabiam quem era o culpado.

A polícia federal agora tenta achar informações do momento do acidente.

Publicidade
Publicidade

O avião não tinha caixa preta e a Marinha, que encontrou uma caixa com gravações, já adiantou que o elemento está danificado. O estanho acidente aconteceu uma semana antes do juiz voltar ao trabalho. Em Brasília, ele homologaria 77 delações envolvendo funcionários do alto escalão da Odebrecht, empreiteira que é a cabeça da Operação Lava Jato. À ela estão ligados grandes partidos políticos, das mais diferentes siglas.

No avião que caiu também estava a massoterapeuta Maíra Panas. Ela estava indo à Paraty para fazer um tratamento no nervo do ciático de um empresário local. Maíra tinha namorado, o comerciante Rodrigo Silva, de trinta e oito anos. Antes de viajar, estranhamente, ela deixou uma carta para ele. Ela diz no texto perdão pelo o que fez no passado e que seu sonho era se reconciliar.

Publicidade

O seu namorado havia acabado de sair de casa por conta de inúmeras brigas. Estranhamente, a massoterapeuta não entregou em mãos à carta. Ela deixou em sua casa, em cima da mesa, como se soubesse que não voltaria.

"Na tristeza, nos pesares, nas alegrias ou conquistas, precisamos nos lembrar mais como fazíamos antigamente", diz ela em um trecho do texto que foi publicado pela revista Veja.