O filho do Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki, confirmou que ele foi uma das vítimas do acidente aéreo no Rio de Janeiro. Francisco Zavascki pediu orações para o pai, que nas próximas semanas voltaria ao trabalho e julgaria, dentre outras coisas, a Lava Jato. Ele já tinha dito, por exemplo, que homologaria a abertura do sigilo de mais de mil documentos que envolvem políticos e empresários brasileiros, como a empreiteira Odebrecht. O avião com Teori sai de São Paulo e caiu em Paraty. Segundo informações do site da Revista Veja, Zavascki deve ser enterrado no estado de sua família, Santa Catarina.

A expectativa é que o corpo seja liberado ainda amanhã.

Publicidade
Publicidade

Os bombeiros também confirmam que o cadáver encontrado nas águas de Paraty é mesmo do Ministro. A chefe do STF, Carmén Lucia, teria ficado muito abalada ao saber da morte de Teori. Ela estava em Minas Gerais, quando ficou sabendo do caso através do noticiário. Carmen já ligou para o presidente da república, Michel Temer, a fim de saber quais serão os próximos passos da corte, já que um novo nome deve ser nomeado em breve para a função. Deve ocorrer ainda uma nomeação de outra pessoa para ocupar o julgamento dos políticos brasileiros, especialmente as delações que envolvem a Odebrecht.

Julgamentos polêmicos de nomes importantes no cenário nacional

Nas delações da empreiteira, diversos partidos e políticos são citados, como o do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Nomes do partido do presidente, Michel Temer, também estão nos documentos, que podem levar os condenados a anos na cadeia.

Publicidade

Ainda não se sabe o que motivou a queda aérea. No entanto, a dona de uma pousada da região disse que chovia muito forte no local, quando a aeronave caiu.

Na sua opinião, o forte temporal da região seria suficiente para explicar a queda da aeronave, ou algo a mais teria acontecido? Deixe seu comentário. Ele é sempre muito importante para todos nós.

Veja abaixo o vídeo que mostra o resgate feito pelos bombeiros na região:

#Crime