Sobe para 52 o número de pessoas infectadas pela #Doença misteriosa que provoca dores musculares intensas e deixa a urina preta.

A Secretária de Saúde do Estado da Bahia, confirmou nesta terça-feira (10) o aumento dos casos quem vem sendo acompanhados desde do início de dezembro de 2016.

Até então a misteriosa doença só se manifestou em pessoas no estado baiano, os pacientes foram diagnosticados em Salvador, Lauro de Freitas e Vera Cruz.

De acordo com o portal de notícias online G1, os casos foram registrados entre o dias 14 de dezembro e 5 de janeiro deste ano e vem intrigando os médicos de todo o estado. Saiba mais aqui.

Publicidade
Publicidade

Dores intensas e "urina preta"

Os principais sintomas desta doença misteriosa são as dores musculares intensas relatadas pelos pacientes e a urina preta. Os novos casos da doença ainda sem identificação foram registrados em Salvador, capital baiana.

Os casos estão sendo acompanhados com atenção com a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Divep), os pacientes estão sendo tratados a princípio com medicamentos que são utilizados em aqueles que apresentam o quadro de "mialgia (dor) aguda a esclarecer.

Vale ressaltar que um dos pacientes que ficou em estado mais grave, apresentou o quadro de insuficiência renal.

Entre as muitas suspeitas do que vem provocando a doença da "urina preta", é o consumo de um tipo específico de peixe.

Consumo de peixe pode ser a causa da doença da "urina preta"

O infectologista Antônio Bandeira, que acompanhou 12 casos da doença da "urina preta" em um hospital particular de Salvador, acredita que a infecção pode estar relacionada ao consumo de um certo tipo de peixe.

Publicidade

De acordo com o especialista a doença pode ser causada pela toxina ou por um vírus presente na carne de algumas espécies de peixes de água salgada.

A suspeita surgiu depois que as pessoas que ele acompanhou relataram o consumo de peixes. Vale ressaltar que o consumo de um tipo de peixe no Amazonas, quase uma doença com sintomas semelhantes.

Contudo Antônio também não descarta a possibilidade de ser um outro tipo de vírus, até então desconhecido que anda circulando e poderia causar a enfermidade.

De acordo com Bandeira, a urina preta pode ser causada pela rabdomiólise, isso se deve as graves lesões causadas nos grupos musculares do corpo. "A lesão muscular é tão grande, que sai tanto pigmento do músculo, que é vermelho. O pigmento vermelho vai para o rim e o indivíduo tem a urina escura. Isso demonstra uma dor muscular muito intensa", explica. #Medicina #É Manchete!