A virada de ano não foi boa para uma família de imigrantes no Reino Unido. Um crime chocante deixou a Inglaterra perplexa na véspera de fim de ano. Duas garotinhas foram brutalmente atropeladas por um motorista em alta velocidade. O motorista fugiu do local logo após o atropelamento. Uma delas morreu no local e a outra segue lutando por sua vida no hospital.

O acidente aconteceu a apenas cem metros da casa das garotinhas que atravessavam a rua para retornar a residência. Durante a travessia da rua, as meninas estavam com as mãos dados quando foram atingidas pelo veículo. O carro envolvido no acidente era um volkswagen golf preto, e o atropelamento aconteceu ás 19h15 na Aston Road em Oldham.

Publicidade
Publicidade

Os familiares puderam ver o acidente que aconteceu há poucos metros de sua casa. Segundo os familiares das crianças atingidas pelo carro, as meninas voaram com o impacto da batida.

A pequena Helina Kotlarova tinha apenas doze anos e morreu no local. Sua mãe correu para a rua e abraçou o corpo de sua filha que já estava sem vida. A criança estava com ferimentos na cabeça e sua mãe inconformada estava acariciando seus cabelos. A mãe manteve a jovem em seu colo após o acidente com sua filha.

A família de Helina é da Républica Checa e estavam vivendo há oito anos na Inglaterra. Toda a família de Helina está em luto. A menina tinha seis irmãs e um irmão que vivem junto com seus pais.

O pai da menina também estava inconsolado com o acidente que levou sua filha. O senhor estava cabisbaixo, chorando, no passeio próximo ao local do acidente.

Publicidade

Segundo a família das meninas atropeladas, as crianças estavam voltando para casa quando tudo aconteceu.

Lutando pela sua vida no hospital está a pequena Zaneta Krokova. A menina de apenas onze anos sobreviveu ao acidente após ser arremessada durante o atropelamento.

O #Crime segue sem solução e nenhum envolvido no atropelamento foi preso. As autoridades inglesas estão a procura do criminoso, munidas de informações repassadas pelos familiares das crianças atropeladas.