Um vídeo gravado na manhã do último domingo (8) mostra o momento exato em que o pastor Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder em Deus, é atacado por um fiel, enquanto rezava um culto em uma igreja do Brás, em São Paulo. De acordo com informações do 8º Distrito Policial (Brás), o responsável pelo ataque foi identificado como Jonatan Gomes Higino, 20 anos, que trabalha como auxiliar de serviços gerais. Após realizar o ataque ele foi contido por seguranças do local até a chegada da polícia.

Após ser preso em flagrante e levado para prestar depoimento, Jonatan acabou assumindo a responsabilidade do ataque e contou que teria roubado um facão com o propósito de atacar o pastor.

Publicidade
Publicidade

Ele conta que sentia-se desconfortável com as pregações do Pastor Valdemiro. Foi então que resolveu atacar o religioso no momento em que estava na fila esperando receber bênçãos do pastor. Ao aproximar-se de Valdemiro, Jonatan lhe deu três facadas nas costas e uma no pescoço.

Embora tenha se passado por vítima durante o ataque, o pastor é descrito pelos fiéis como um homem milionário. Além de possuir muitos imóveis ele também é proprietário de grandes áreas de terras no Mato Grosso. Ele também é conhecido por pedir grandes doações em dinheiro durante a realização de seus cultos. Atualmente o religioso está se empenhando em lançar uma campanha com o objetivo de arrecadar cerca de R$ 8 milhões. Ele pedirá doações de até R$ 1.000,00 para cerca de 8 mil fiéis. Valdemiro pretende realizar uma viagem para Jerusalém, onde levará consigo um tecido branco com as digitais dos doadores.

Publicidade

Na ocasião ele pretende lavar o tecido nas águas do Rio Jordão e afirma que trará consigo prosperidade e riquezas para seus doadores.

Após sofrer o ataque o religioso foi levado para um hospital, onde precisou levar 20 pontos. Em um vídeo publicado nas redes sociais o religioso afirma que perdoa seu agressor. Pessoas próximas a Jonatan afirmam que o rapaz sofre de transtornos psiquiátricos. Até o momento não se sabe por qual motivo ele resolveu atacar o pastor.

#Religião #Crime #Casos de polícia