Um jovem de apenas 21 anos passou por um grande sufoco, a vítima levou uma mordida forte de um filhote de tubarão, na #Praia de Boa Viagem, que fica na Zona Sul da cidade de Recife, tudo correu na tarde de terça-feira (23). Arthur relatou em entrevista que foi uma sensação muito ruim, "como uma porta fechando na sua mão."

Ele é surfista e já estava acostumando com as águas perigosas daquela praia. Depois do almoço, ele decidiu ir para o mar, mesmo havendo várias placas de aviso de perigo de tubarão. "A maré estava secando, eu estava com água na altura da cintura quando vi uma agitação diferente. Me fiquei apavorado e tentei nadar rápido na direção da areia, mas mesmo assim o filhote de tubarão mordeu a ponta dos meus dedos da mão direita.

Publicidade
Publicidade

Era pequeno e eu consegui fugir, mas considero que Deus me salvou do #Ataque", disse Arthur em entrevista.

Mesmo o tubarão sendo pequeno, fez um estrago na mão do rapaz, seu pai o levou imediatamente para o hospital mais próximo. Ele recebeu todos os cuidados necessários e passa bem.

Declaração do pai

Andrey Andrade, pai de Arthur, disse em uma postagem no seu Facebook que graças a Deus foi apenas um susto, mas que a realidade é que a praia de Boa Viagem está empestada de filhotes de tubarão. Disse que ficou feliz por seu filho ter puxado o braço a tempo de não acontecer algo mais sério. Pediu que as autoridades da cidade, ao invés de colocar placas de proibição, resolvessem o problema de forma coerente e responsável, ele diz que já ouviu relatos e viu fotos nas redes sociais sobre a quantidade de filhotes que estão dominando várias praias de Recife, que até os pescadores com vara estão capturando sem querer os animais.

Publicidade

Indignado com essa situação, fala que está na hora de tomarem alguma providência séria sobre isso.

Nos comentários dessa postagem, muitos discutem sobre de quem é o erro. Alguns afirmam que o erro é da Prefeitura, que não encontra uma forma de controlar o número de tubarões no local, e outros dizem que o maior erro foi do jovem ter entrado na água, mesmo existindo várias placas de aviso. #Polêmica