A Polícia Civil de #São Paulo investiga o #desaparecimento de duas irmãs. Familiares e amigos das garotas realizam campanhas nas redes sociais em buscas das garotas.

O mistério do desparecimento intriga a Policia. Elas desapareceram no final de 2016, e até o momento são poucas as informações sobre este misterioso caso.

Rhillary de Almeida, de 14 anos, e Thawanny de Almeida, de 13, são irmãs e já tem seis dias que elas desapareceram de sua residência. A família esta atônica e tenta encontrar pistas que ajudem a encontrar as garotas.

Um fato que esta chamando atenção neste caso, é que antes das garotas desparecerem a senhora Flávia Santos Ramos, mãe das meninas, passou a receber umas mensagens sem nexo no seu WhatsApp, a pessoa misteriosa que esta enviando as mensagens se identificou como Diego, ela disse que nunca viu falar deste individuo.

Publicidade
Publicidade

A família reside na cidade de São Vicente, em São Paulo, a última informação que os familiares obtiveram sobre as garotas, é que elas foram vistas em uma lotação que provavelmente estava a caminho do interior do Estado.

“Nós estamos desesperados, já são muitos dias sem nenhuma notícia, nem tivemos como comemorar o ano novo. Não consigo dormir tudo isto é muito assustador. Se alguém tiver alguma informação procure a polícia.” relatou a mãe das meninas.

Ela relatou também que as garotas estavam na residência da família até quarta-feira, 28 de dezembro, mas por volta das sete horas da noite. A mãe ouviu alguém mexendo no portão, e depois disso não localizou mais as duas irmãs. Após o sumiço o pai pegou sua moto e saiu à procura das meninas, mas não conseguiu localiza-las.

A família acredita que as mensagens sinistras que a mãe tem recebido pode ter alguma ligação com o desaparecimento.

Publicidade

Pois mesmo após o sumiço das garotas elas continuam sendo enviadas. A mãe das garotas após investigação feita por ela mesmo descobriu que Rhillary estava trocando mensagens com uma pessoa de nome Rafael. Mas ela supõe que tanto Rafael como Diego esteja usando nomes falsos.

Na ultima mensagem que ela recebeu deste Diego ele dizia que as garotas haviam fugido de casa.

O caso foi registrado na polícia civil que está investigado o desparecimento. Nenhuma das duas garotas atende o celular, todas as ligações vão para a caixa postal. #Casos de polícia