O cantor Beto Barbosa foi preso nesta sexta-feira, 27, na cidade de Fortaleza, no Nordeste brasileiro. A prisão acabou chamando a atenção de todo o país, pois se tratava de uma celebridade. No entanto, até então, o motivo da detenção do artista, que difundiu a lambada nos anos de 1980 no Brasil e no mundo, ainda era um mistério. No entanto, em entrevista dada ao portal de notícias G1, tudo aconteceu porque ele teria "comprado uma briga" de mendigos e crianças. A confusão aconteceu no Bairro Meireles, em frente ao supermercado.

De acordo com o músico, ele teria visto os pedintes na porta do mercado e decidiu dar uma ajuda a eles.

Publicidade
Publicidade

O cantor informou que, ao sair do mercado Pão de Açúcar, decidiu dar uma lata de leite à uma criança e foi repreendido. Isso porque, no estabelecimento, a entrada de moradores de rua é proibida. Em seguida, Beto acabou dando o alimento para as crianças. No entanto, os seguranças não gostaram da atitude do artista e o repreenderam. Barbosa, no entanto, não gostou da reprimenda que atrapalhava as crianças carentes a conseguir um simples alimento. Um vídeo do profissional da música sendo detido acabou viralizando nas redes sociais. Ele estava muito irritado no momento da detenção.

O mercado citado pelo cantor acabou dendo procurado pelo G1, no entanto, disse que se pronunciaria apenas através de um comunicado à imprensa, que não teria sido enviado até a publicação da reportagem da Globo. Após dar o alimento para as crianças, o cantor acabou se desentendendo com os seguranças.

Publicidade

No entanto, eles foram encaminhados para um Delegacia da região. "Não sei o que vai ser agora, tenho que ver como vai se desenrolar", disse o cantor antes de entrar. Mais tarde, o cantor disse que estava com muito destempero na delegacia e pediu desculpas pelas suas atitudes com os policiais.

Na sua opinião, o que ocorreu com Beto é justo, ou deveria haver uma melhor avaliação da polícia? Deixe seu comentário. Ele é sempre muito importante para todos nós e ajuda a estabelecer o diálogo. #Famosos