A #Pastora Marta da Silva Porfirio Leal, da Assembleia de Deus de Siqueira Campos, conhecida como "Irmã Linda", depois de tomar posse como #Vereadora de Salto do Itararé, no norte Pioneiro do Paraná, morreu, aos 54 anos.

A pastora tinha conseguido ser eleita com apenas 118 votos e era muito bem falada na região. Muitos acreditavam que era uma aposta certa em tê-la pastora como representante do povo.

Segundo o site do G1, a vereadora estava voltando da reunião de posse de sua candidatura e seguia na rodovia PR-424, quando o seu carro invadiu a outra pista em alta velocidade e acabou colidindo com uma caminhonete, com placa de Itaporanga (SP).

Publicidade
Publicidade

O motorista informou para a Polícia Rodoviária Federal que tentou desviar de um cachorro que estava atravessando na hora.

No carro estava o filho da vereadora, de 37 anos, que acabou não resistindo, uma mulher de 31 anos e uma criança de 04 anos, que acabaram sendo transferidas para Londrina.

O filho da vereadora estava no volante e quando viu a caminhonete vindo em sua direção tentou tirar o carro, mas não conseguiu.

O motorista da caminhonete não se feriu e se dispos a ajudar a família no que precisassem, inclusive no velório e sepultamento.

A vereadora era muito querida entre os evangélicos e arrastava multidões onde passava com seu carisma, elegância e beleza.

O que mais gerou revolta entre a população da localidade, foi que a Irmã Linda fazia trabalhos sociais e sempre estava pronta para ajudar as pessoas.

Publicidade

Foi decretado luto oficial de três dias, segundo o presidente Odair José Carvalho da Silva (PSD), representante eleito pela câmara.

Acidentes com evangélicos famosos

Em setembro deste ano, um #Acidente terrível aconteceu com a cantora gospel Jane Carla, da Assembleia de Deus de Madureira.

A cantora estava acompanhada do seu marido, o pastor Wanderson Guimarães, quando estavam voltando de um show para crianças carentes em Palmas.

O carro da cantora estava em alta velocidade e atravessou a pista, e acabou coledindo com um caminhão.

O motorista informou que tentou sair e não conseguiu, a cantora e seu marido não aguentaram.

Outro acidente que teve muita repercusão no meio evangélico, foi do cantor uruguaio, Cherri Adrian, de 47 anos.

O cantor estava em uma Fiat Palio de Blumenau/SC. O veiculo estava em alta velocidade e acabou coledindo com um caminhão.