Equipes de resgate estiveram durante toda a madrugada desta sexta-feira (06) atendendo aos inúmeros chamados feitos no município de #Rolante, no Vale do Paranhana, pois a cidade ficou praticamente submersa depois que um açude em São Francisco de Paula rompeu. Os dois rios que cortam a cidade acabaram transbordando e dezenas de famílias tiveram que abandonar suas casas imediatamente, para não serem levados pelas águas. Diversas cidades gaúchas estão enviando seus bombeiros para Rolante, no intuito de ajudar no resgate das famílias que ainda estão ilhadas, principalmente na comunidade de Mascarada, que é o local mais afetado por essa #Tragédia.

Publicidade
Publicidade

Por volta das 18 horas da quinta-feira (05), começou uma chuva muito forte e o nível da água começou a subir, mas foi durante a madrugada que a situação realmente ficou complicada. Ainda no final da tarde já tinha sido detectado o rompimento do açude, algumas horas depois chegou um temporal e à noite o caos estava instalado na cidade. Durante a madrugada era difícil socorrer tanta gente, pois a chuva continuava, o nível da água subia, casas sendo inundadas, pessoas ilhadas, e as equipes de resgate tiveram muito trabalho.

O açude que rompeu está localizado a cerca de 2 quilômetros de Rolante e a água desceu o vale com muita força, arrastando tudo que encontrou pela frente. As pessoas tiveram que subir no telhado de suas casas para não serem levadas pela forte correnteza.

Publicidade

Até as equipes de resgate tiveram dificuldade para salvar algumas famílias, pois a correnteza era forte demais. Vários veículos foram arrastados pela água, pontes foram arrancadas, móveis foram levados e plantações inteiras foram devastadas, sem contar os muitos animais que morreram. A primeira informação é que mais de 90% dos animais da pecuária estão mortos.

A escola de Rolante está sendo utilizada como abrigo e os desabrigados estão indo para lá. A prefeitura já deu início a um trabalho para saber o tamanho da destruição. Muitas doações já começaram a chegar à sede dos Bombeiros Voluntários que fica na avenida Tenente Pedro Von Mullen, número 630. As pessoas estão precisando de água potável, alimentos e roupas para homens, mulheres e crianças. #Chuvas Torrenciais