Cinco mortes de pessoas acometidas da #Doença Febre Amarela foram confirmadas na cidade de Caratinga, em Minas Gerais, entre os dias 19 de dezembro e 5 de janeiro.

Os casos de óbito são provenientes da região da divisa entre os municípios de Caratinga, Imbé de Minas e Ubaporanga. Os pacientes estavam internados no Pronto Atendimento Microrregional da cidade.

Outros pacientes estão internados no Hospital Márcio Cunha, da cidade de Ipatinga/MG, todos provenientes da mesma região e confirmados pelo pronto atendimento do hospital com a doença Febre Amarela. A diretoria do hospital não informou o número exato de pessoas que estão internadas relatando os sintomas comuns da doença.

Publicidade
Publicidade

A doença é transmitida pelo mosquito aedes aegypti, o mesmo causador da conhecida "dengue", e muito comum é seu aparecimento durante o verão, quando a proliferação é causada pela acumulação de água da chuva e intensificada pelo calor.

A região teve grandes focos de dengue identificados nos últimos anos, mas é a primeira vez que o alerta se dá em relação à Febre Amarela.

Moradores do centro urbano da cidade de Caratinga já estão procurando os postos de saúde da localidade em busca de vacinação para a doença, que se dá em caráter preventivo e tem duração de 10 anos. Não se sabe se os postos de saúde tem reservas suficientes para vacinação da população local, caso haja grande escala de procura.

De toda forma, a prefeitura alerta para os cuidados domésticos da população, em não permitir o acúmulo de água parada nas residências, algo muito comum, especialmente nas regiões periféricas da cidade.

Publicidade

Técnicos da Gerência Regional de Saúde de Coronel Fabriciano, cidade periférica da região de Ipatinga, estão auxiliando as investigações relativas ao "surto" na cidade de Caratinga. Segundo informações, foram encontrados por lavradores alguns macacos mortos na região. Material biológico está sendo utilizado para obtenção de informações a respeito das causas das mortes dos mamíferos, mas pelo que tudo indica, há grande possibilidade de terem se dado também pela Febre Amarela. #2016 #2017