O domingo foi movimentado para o pastor Valdemiro Santiago. Líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, o apóstolo levou facadas no pescoço. Ele foi atacado por um homem de vinte anos. Após a recuperação, o religioso já voltou à ativa. De acordo com informações do colunista Ricardo Feltrin, em reportagem publicada nesta terça-feira, 10, Valdemiro agora pede mais fé dos fieis. Ele quer que muitos se prontifiquem a fazer doações altas todos os meses. Em um depoimento gravado ao lado da bispa Franciléia, Santiago pede doações de R$ 1 mil. Ao todo, o religioso quer pelo menos oito mil pessoas dispostas a fazerem essa doação.

Com o dinheiro, ele vai bancar a transmissão dos programas religiosos na televisão.

Publicidade
Publicidade

Atualmente, a Igreja Mundial do Poder de Deus tem um canal na TV por assinatura, mas a grave crise econômica que atinge o país, pegou em cheio também os fiéis. A expectativa é que a facada no pescoço e o fato do pastor ter sobrevivido possa despertar um maior número de gente interessada nas bençãos de Valdemiro. O pastor, após sair do hospital, gravou um vídeo. Ele diz que perdoa o homem que deu em seu pescoço as facadas e que desconfia que outro religioso teria encomendado o ataque. Antes de fundar a Igreja Mundial, Santiago era aliado do pastor Edir Macedo, da Igreja Universal. Ele, no entanto, não cita o nome de Macedo como o suposto mandante do ataque. A polícia investiga o crime.

Já em outro vídeo, Valdemiro diz que até a camisa dele, que foi suja de sangue, agora está curando os fiéis.

Publicidade

A camisa ensanguentada foi passada em um manto da Igreja Mundial, o qual é considerado sagrado pelos fiéis. A partir de agora, as bençãos serão dadas com esse pano sujo de sangue. “Eu preciso de ajuda para pagar este canal, esta obra”, disse Valdemiro ao pedir encarecidamente mil reais de pelo menos oito mil fiéis. Atualmente, o salário mínimo no Brasil é menor do que esse valor.

Em 2013, um fiel deu R$ 7 mil acreditando que seria curado do câncer. A cura não veio e o homem processou a igreja. A Mundial foi condenada a indenizar o ex-fiel em R$ 20 mil. #Valdemiro Santiago