Um motorista a serviço da empresa Uber registrou os momentos seguintes após conseguir resistir a uma tentativa de assalto. O vídeo foi publicado nesta segunda-feira (9), em páginas especializadas em ocorrências policiais no Facebook.

Nas imagens, o motorista registra o rosto de dois adolescentes que, segundo ele, tinham acabado de tentar levar o seu carro.

Os menores chamaram o serviço como se fossem clientes, acionando o aplicativo da empresa para celular. Ao se apresentar para a corrida, o motorista foi surpreendido pela tentativa de roubo. Pelo que aparece na filmagem, participaram da ação outros bandidos, que conseguiram fugir.

Publicidade
Publicidade

No vídeo o motorista do Uber está extremamente transtornado. Ele xinga os meninos já rendidos de vários palavrões e agride um deles. O motorista faz questão de mostrar o próprio rosto e também de focalizar o menor que quase conseguiu levar seu instrumento de trabalho.

“Aí rapaziada, conseguimos pegar. Roubando Uber aqui”, diz o trabalhador, mostrando o rosto e depois filmando o garoto.

Ele grita: “Dezesseis anos esse filho da p... Olha o outro ali. Tem que matar. Olha pra mim moleque!”, ordena para, na sequência, filmar mais de perto o rosto do jovem.

Bastante revoltado, o motorista pergunta entre uma agressão e outra se o menino vai roubar mais. E desabafa dizendo o que muitas vítimas de assalto e outros crimes costumam repetir: “Agora manda vir o (pessoal do) direitos humanos”.

O tom de voz fica ainda mais alto quando o profissional lembra que sai às 3 horas da manhã de casa para trabalhar e sustentar um filho de 9 anos enquanto outros garotos como ele praticam crimes nas ruas.

Publicidade

Já em direção ao outro suspeito, o sermão continua. O adolescente lembra os motoristas ali reunidos que devolveram tudo. “Devolveram porque nós chegamos na hora. Quem foi que chamou no aplicativo?”.

O garoto responde que foi outro comparsa. “Os outros que te deixaram na mão? Seus amigos, trouxa, que saíram pra roubar com você. Você pode morrer e eles vão dar risada. É que você não conseguiu”, finaliza o autor da filmagem.

Não fica claro no vídeo o destino dos dois menores e se eles estavam armados no momento da abordagem. Também não há informações de onde a tentativa de roubo foi registrada.

#Crime #Investigação Criminal