No fim da tarde desta última quarta-feira (18), as câmeras de segurança de um edifício flagraram o momento em que uma gestante é baleada em uma tentativa de assalto no bairro Barro Duro, em Maceió. A mulher tem 30 anos e estava dentro de um veículo quando foi abordada por um dos criminosos que planejavam o #Crime no local. O carro era um HB20 e aparece nas imagens realizando manobras, antes que fosse parado pelo criminoso que apontou a arma para o vidro frontal do veículo e anunciou o assalto.

O crime aconteceu na rua Pedro Camelo, e a gestante seguia em direção à Av. Chalita quando foi alvejada por inúmeros disparos feitos pelo bandido.

Publicidade
Publicidade

O homem estava a pé e tentou parar o carro apontando a arma, mas a vítima acelerou, foi quando mesmo a alvejou. As imagens do crime são fortes e mostram a banalidade em que virou a violência nos dias atuais.

A gestante levou um tiro na região do maxilar e parou o veículo poucos metros depois de onde ocorreu o disparo. Já o criminoso saiu correndo para o lado oposto da rua e conseguiu escapar da polícia. A mulher foi socorrida por moradores do local e por pedestres que passavam no momento dos disparos, eles a levaram até os bombeiros que fizeram o transporte até o Hospital Geral onde a mesma foi atendida. Apesar do susto a mulher passa bem, e a violência que sofreu aparentemente não causou maiores danos ao bebê.

A polícia militar compareceu até o local e colheu provas, o carro da mulher também foi recolhido para a realização de exames periciais.

Publicidade

No entanto, a principal prova no momento parece que virá das imagens captadas através do circuito externo do edifício. Nas cenas é possível ver nuances do criminoso, como por exemplo, com que roupa ele estava, a altura e a cor do mesmo.

Segundo o delegado Tiago Prado, que conduz o caso, já existem fortes suspeitas sobre a identidade do criminoso e a polícia já tenta localizá-lo. Inclusive os investigadores divulgarão um cartaz de acusado para tentar mobilizar a população a denunciar através do 180. Os policiais ainda fazem ronda no local na tentativa de encontrar o suspeito.

#Casos de polícia