Até onde vai a maldade do ser humano? É essa a pergunta que se faz qualquer pessoa após assistir a um vídeo que caiu na internet nos últimos dias. Mais uma cena de #Violência contra idosos foi parar nas redes sociais e chocou muita gente que assistiu, que já estão denunciando o bandido.

A vítima da agressão foi a dona Zumira Teresa Jesus, mais conhecida por "Maria", uma pessoa simples da cidade de Minaçu, localizada a 504 km de distância da capital, no interior do estado de Goiás. Ela costuma andar pelas ruas da cidade para fazer suas atividades diárias. Em um dia, ela acabou tropeçando na calçada e não percebeu que próximo estava uma motocicleta no caminho.

Publicidade
Publicidade

O dono da moto é Eussandro Ferreira Nascimento, que a colocou na calçada. A lei de trânsito proíbe esse tipo de atitude.

Mesmo com seu marido perto dela, Santana Pereira dos Reis, ela não contava com a ira do seu agressor. O proprietário do veículo não gostou nem um pouco da velhinha ter esbarrado no objeto e desferiu diversos socos em sua direção, o que a deixou gravemente ferida e até arrancou sague de seu rosto. A justificativa do homem foi que a senhora arranhou sua moto.

Muito indignada e chorando, ela foi filmada por curiosos no local, durante o seu atendimento pelo Samu.

"Está doendo", diz ela no vídeo após a equipe médica chegar.

O agressor conseguiu fugir a tempo, após o marido de dona Maria brigar com ele. Apesar de pessoas no local terem rapidamente identificado do agressor e comunicado às autoridades, até o momento de fechamento desta reportagem o homem que bateu na velhinha ainda não foi encontrado pela polícia.

Publicidade

Comente abaixo no nosso box. Como conter a violência a idosos? Sua opinião é muito importante para nós. Não esqueça de compartilhar esta reportagem em suas redes sociais.

Veja abaixo o vídeo de dona Maria chorando muito após ser agredida por um motivo banal. As imagens já circulam pela internet e estão de posse da polícia. CUIDADO: imagens fortes, não recomendada para pessoas sensíveis à sangue ou violência.

#idosa #Crime