Uma postagem de Vanderson Nascimento, de vinte e dois anos, acabou viralizando nas redes sociais. O rapaz, trinta anos mais novo que a mãe, a diarista Marília Nascimento, de 52 anos, fez questão de registrar o primeiro dia de aula de sua matriarca. De família humilde, o rapaz trabalha como jovem aprendiz no metrô do Rio de Janeiro. O registro emocionante foi feito na segunda-feira, mas somente agora rendeu mais de 50 mil curtidas e muitos comentários nas redes sociais.

Em entrevista ao jornal 'Extra', do Rio de Janeiro, Vanderson disse que um dia, ao escutar uma rádio da cidade, descobriu a história de uma senhora de oitenta anos que voltou a estudar.

Publicidade
Publicidade

Ele disse que, a partir daquele dia, ficou pegando no pé da mãe, a fim de que ela voltasse a estudar. Morador do bairro de Manguinhos, desde sempre ele sabe o que significa a palavra dificuldade. O próprio filho conseguiu a escola para a mãe estudar. Ela está matriculada na municipal Juscelino Kubitschek, onde cursa a segunda série do ensino fundamental.

Feliz por a mãe o ter ouvido, o jovem fez questão de fazer um registro desse momento tão emocionante e importante em família. Ele não fez a menor cerimônia e colocou a foto ao lado da mãe nas redes sociais, onde o caso acabou viralizando. O jovem disse que, ao levar a mãe até à escola, ele lembrou de todas as vezes que ela se esforçou para fazer o mesmo por ele e que isso o emocionou. De acordo com o rapaz, a diarista é um verdadeiro exemplo de superação, pois o pai dele e dos irmãos abandonou a família, quando todos eram pequenos.

Publicidade

Mesmo com muita dificuldade, ela sempre incentivou o estudo aos filhos.

Emocionado pela repercussão do caso, o jovem diz que espera que sua história possa servir de exemplo para outros filhos. "Que eles possam voltar aos estudos, nunca é tarde. Temos que honrar nossos pais sempre", disse ele.

Veja abaixo a publicação do rapaz que deu o que falar nas redes sociais. Na sua opinião, muitos filhos acabam se esquecendo de fazer honrar o esforço de seus pais e mães? Não esqueça de deixar o seu comentário. A sua opinião é sempre importante para todos nós e ajuda a construir o diálogo de temas importantes à sociedade.

#emoção