O Brasil está em festa, afinal, é #Carnaval! Mas engana-se quem pensa que isso é motivo para alguns políticos deixarem de punir quem questiona seus atos públicos. No Recife, um bloco do Carnaval de rua, chamado ‘Empatando tua Vista’, teve todas as fantasias e materiais do desfile, apreendidos pela Polícia Militar.

Os foliões não cometeram um #Crime ou coisa do tipo, mas estavam usando a animação do Carnaval, para questionar uma suposta irregularidade entre o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) e o prefeito de Recife, Geraldo Julio (PSB).

A Polícia Militar recolheu os adereços do bloco, incluindo máscaras do prefeito e do governador, impedindo que os foliões os usassem como uma forma de protesto, ainda que ofuscado pela diversão dos blocos carnavalescos.

Publicidade
Publicidade

Integrantes do bloco gravaram a ação da PM e divulgaram na internet, rendendo milhares de visualizações.

Legalmente, tal ato não é permitido, pois fere a liberdade de expressão dos brasileiros, além de configurar, abuso de poder. Não existe nenhuma lei (por enquanto, mas existem projetos na Câmara), que criminalize se opor aos políticos brasileiros.

A Polícia Militar informou que não reconhece o procedimento executado pelos soldados e que irá apurar a conduta dos envolvidos. Os foliões responsáveis pelo bloco, denunciaram os PMs envolvidos no caso, na Corregedoria da Polícia Militar.

Assista ao vídeo da ação policiial:

Carnaval com critica bem humorada

Em São Paulo, o prefeito João Doria (PSDB), que tem decretado guerra contra grafiteiros, foi vaiado durante discurso em um bloco de Carnaval.

Publicidade

Como resposta às vaias, o político chamou os insatisfeitos de “Filhos de Lula”, o que arrancou risadas das pessoas presentes, pois muitos se assustaram, achando que ele estava prestes a dizer um palavrão.

Até o momento, o Carnaval de rua tem ocorrido em todo o país sem maiores problemas, exceto por foliões que passam mal e diversos furtos contra pessoas distraídas que têm seus celulares e outros pertences levados, sem perceber.

O feriado é só na terça-feira, 28, mas a festa começou na semana passada. Os tradicionais desfiles com carros alegóricos, continuam no Rio e em São Paulo, mas o grande protagonista do Carnaval 2017, tem sido os blocos de rua, que se alastraram até mesmo na capital paulista, que nem sempre teve alvoroço significativo em torno da data. #Casos de polícia