E

Está sendo noticiado nos principais sites e jornais do país uma manifestação que está causando terror aos moradores da Grande Vitória, no Espírito Santo. Desde sábado (4), grupos de mulheres estão acampadas em frente aos principais quartéis da PM impedindo a saída de qualquer policial militar, estando ele a pé ou de viatura.

Os grupos são formados pelas esposas, mães e filhas dos policiais e pedem reajuste salarial para os militares. As manifestantes já estão ocorrendo há quatro dias. Até o momento, nenhum representante do governo chegou a conversar com as mulheres.

Devido ao protesto, os policiais se dizem impedidos de saírem para o trabalho.

Publicidade
Publicidade

A falta de policiamento nas ruas está provocando uma onda de terror e vandalismo nas cidades capixabas. Segundo a imprensa, desde sábado, aconteceram 75 mortes e cerca de 200 furtos e roubos de veículos.

Foi noticiado que o IML (Instituto Médico Legal) da Polícia Civil já não tem mais onde armazenar os corpos. Em vídeo divulgado na internet, era possível ver cadáveres espalhados por todo o chão do local.

Um outro vídeo, mais recente, foi divulgado na internet. Nele, é possível ver uma tropa da PM pedindo autorização às mulheres para poderem sair dos quartéis e, assim, retomarem a ordem das cidades. Porém, elas se negaram a abandonar o local antes de terem uma conversa com o governador do Estado, Paulo Hartung, ou com algum de seus secretários.

O vídeo viralizou nas redes sociais e acabou virando piada entre os internautas.

Publicidade

Muitas pessoas estão insinuando que o vídeo parece ser uma armação, uma vez que a mobilização das mulheres é também do interesse dos policiais. “Que teatro ridículo!!!! Eu entendo a demanda da PM, a barra que eles vivem, mas isso é ridículo demais!” disse um internauta. “Gente nunca vi isso na vida... uma dúzia de mulheres param uma tropa. Oi? nem nos filmes do Tarantino (sic)”, disse um outro internauta.

Para quem não sabe, a Polícia Militar é proibida pelo Estatuto Militar de fazer qualquer tipo de #Greve. Por esse motivo, familiares do PMs decidiram agir em prol da classe. Assista ao vídeo:

#EspiritoSanto #Casos de polícia