Macarrão e Bruno foram presos praticamente ao mesmo tempo em 2010, acusados de matar a ex-amante do ex-goleiro do Flamengo, a mãe do filho do jogador Eliza Samudio. Na época, os jornais de todo o país começaram a traçar o perfil dos dois. Uma relação doentia, que chamou a atenção do Brasil. Macarrão tem tatuagens em seu corpo que dizem que o amor por Bruno é eterno. Cogitou-se, na época, inclusive, que os dois tivessem um romance homossexual, o que nunca foi provado. O segredo íntimo doentio, no entanto, pode ser reacendido e polemizado com a sociedade. Isso porque o vulgo Macarrão - apelido de Luiz Henrique Ferreira Romão, pode ser solto, assim como o eterno amigo.

Macarrão e Bruno não tem se falado há alguns anos, mas a amizade pode ser mais facilmente retomada fora da cadeia.

Publicidade
Publicidade

O ex-goleiro deixou a cadeia na sexta-feira, 24, após uma determinação do Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio de Mello. O magistrado, em sua decisão, argumentou que não existiam motivos para continuar mantendo o ex-flamenguista na cadeia. O condenado por participação na morte de Eliza Samudio estava recluso em uma penitenciária localizada na capital de Minas Gerais, Belo Horizonte.

De acordo com informações do portal de notícias G1, em reportagem publicada neste sábado, 25, o advogado de Macarrão, Wasley César de Vaconcelos, decidiu entrar novamente na justiça. Ele quer que o benefício concedido a Bruno possa atingir o seu cliente. A previsão é que a justiça faça isso em dez dias, uma semana após o Carnaval. Sônia, mãe de Eliza, está revoltada com a possibilidade de soltura de Macarrão e também pela liberdade de Bruno.

Publicidade

Ela diz que, mesmo que haja um arrependimento do ex-goleiro, ele precisa cumprir a pena até o final.

Em entrevista à TV Globo, o preso mais conhecido do país disse que, mesmo que pegasse prisão perpétua não conseguiria trazer Eliza de volta. Até hoje, ele nega participação no #Crime. O corpo ou os restos mortais de Samudio jamais foram encontrados pela polícia.