A crise no Espírito Santo está causando medo nos capixabas, mas também revolta. Desde que os policiais militares decidiram entrar em greve, um alto número de crimes violentos tem acontecido em cidades como a capital Vitória. No entanto, a cobertura da mídia não estaria sendo o suficiente para tudo o que estaria acontecendo. A principal crítica é exposta à Rede Globo, que costuma dar plantões em casos como da prisão de Eike Batista, mas que não fez o mesmo, por exemplo, com a tragédia envolvendo o menor estado da região sudeste. (Vídeo com os corpos está no fim da reportagem).

As críticas foram levadas também à Globo News, canal a cabo da emissora.

Publicidade
Publicidade

Até personalidades famosas, como o Youtuber Whindersson Nunes reclamaram do que chamam de "desserviço jornalístico". Veja o Tweet feito por um dos maiores youtubers do país.

A crise é tão grande que apenas em vinte e quatro horas sessenta e duas pessoas foram assassinadas de maneira violenta. Isso fez com que o IML local, que é chamado de Departamento Médico Legal, ficasse sobrecarregado. 12 corpos estariam nas geladeiras do órgão de Vitória, enquanto pelo menos dezesseis aguardavam pelo chão. Há registros, inclusive, de pessoas mortas pelas ruas da cidade e ninguém para retirar os corpos. A violência teve um pico após os policiais militares anunciarem uma greve.

Publicidade

Veja abaixo alguns comentários sobre o caos no Espírito Santo. Muitas pessoas criticam a postura da Globo em não dar a importância que a tragédia local merece, mas adorar, por exemplo, dar bastante espaço para notícias dos Estados Unidos, como às relativas ao presidente americano Donald Trump.

Essa jovem critica a falta de espaço à violência na região, que começou após uma greve de policiais.

Crise virou alvo de muitas resenhas no microblog de 140 caracteres:

Veja abaixo um vídeo que mostra como está a condição do Instituto Médico Legal de Vitória após o caos instalado em todo o estado. Na sua opinião, o que pode ser feito para tentar contornar essa situação? Não esqueça de deixar o seu comentário. A sua opinião é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo.

#Crime #Investigação Criminal