O mundialmente famoso poeta, dramaturgo e encenador do século XX, o alemão Bertholt Brecht, escreveu em certo momento de sua vida, que “se não morre aquele que escreve um livro e planta uma árvore, com mais razão não morre o educador que semeia vida e escreve na alma”, ou seja, Brecht colocava naquele momento no mais alto pedestal merecido, a figura do professor ou educador, que é um dos principais agentes de mudança positiva no comportamento dos jovens e das crianças desde a mais tenra idade. E é da Cidade de São Paulo que vem o exemplo comovente do reconhecimento de um “velho” mestre na arte do ensino por parte dos seus discípulos ou alunos.

Publicidade
Publicidade

Trata-se da homenagem surpresa, feita por alunos da #Escola Estadual Almirante Custódio José de Mello, levando o #professor Luiz Antônio Jarcovis às lágrimas no momento em que se retirava da sala de aula no seu último dia na escola.

Justamente nesse momento, os adolescentes do colégio localizado no bairro de Vila Granada, na região da Zona Leste de São Paulo, postaram-se formando um verdadeiro corredor humano e aplaudiram incessantemente o professor Jarcovis, o qual não foi capaz de conter a emoção e começou a se debulhar em lágrimas.

O acontecimento se deu no último dia 24 de fevereiro, sexta-feira, sendo registrado através da gravação de um vídeo, que foi parar na web e redes sociais, viralizando e emocionando todas as pessoas que tiveram a oportunidade de poder “sentir” tamanha emoção contida nas imagens.

É possível observar com riqueza de detalhes que o professor, ao se retirar da sala de aula, tem em mãos alguns livros e uma caixa com giz.

Publicidade

Na seqüência, as crianças começam os aplausos e o mestre, como que sentindo dor na alma, chora copiosamente para logo em seguida ser abraçado pelos colegas de trabalho e principalmente pelos alunos. Só resta ao professor Luiz Antônio caminhar pelo corredor cumprimentando a todos os jovens, que o saúdam gritando: “tio Luiz, tio Luiz”.

Mônica Matta, diretora do grupo escolar é a “culpada” pelo registro singular do acontecimento, pois foi ela quem filmou o encontro e acabou postando o vídeo na sua conta pessoal da rede social Facebook; sendo que até o amanhecer da segunda-feira (27), o filme já tinha conquistado mais de 10 mil curtidas e um número superior a 9,3 mil compartilhamentos. Parabéns pelo exemplo de vida professor Luiz Antônio Jarcovis! #Viral