O 'Jornal Folha de São Paulo' publicou um link na tarde desta sexta-feira, 31, no qual diz que retirou do ar um texto que fala sobre uma grave acusação de assédio sexual contra o ator José Mayer. Um figurinista diz que, durante meses, o vilão de 'A Lei do Amor' o assediava e que chegou a acariciar sua vagina. De acordo com a 'Folha de São Paulo', o texto foi retirado do ar do blog 'Agora é Que São Elas', pois fere os princípios editoriais do jornalismo da empresa, que é uma das de maior credibilidade do país. A Folha diz que o desabafo no blog acabou ferindo algo básico na apuração jornalística, que é ouvir a parte acusada, assim que o acusador profere a acusação.

Segundo um dos maiores jornais do país, assim que o ator e a Rede Globo de Televisão se pronunciarem, o texto voltará ao ar.

Publicidade
Publicidade

Em seu programa de televisão, a jornalista Sônia Abrão, da RedeTV!, solicitou para que o texto voltasse ao ar. Segundo a repórter, mesmo sendo apenas só a acusação, representa um desabafo sincero de alguém que se sentiu alvo de um crime. Durante o 'A Tarde é Sua', Sônia recebeu em seu programa a jurada Flôr, do 'Programa Silvio Santos'. Sem comentar especificamente o caso de #José Mayer, ela disse que, infelizmente, no passado, isso era algo comum na televisão e que as meninas até tinham medo de chegar perto de algumas celebridades.

A figurinista que acusou José revela que o último assédio teria ocorrido na frente de, pelo menos, trinta pessoas e que, daquela vez, ela decidiu não ficar calada, procurando os seus direitos. A profissional procurou o Recursos Humanos do canal, o setor de atores e até a ouvidoria, mas nada teria sido feito.

Publicidade

A Globo, em nota lida no 'A Tarde é Sua', teria dito que as relações entre seus empregados e os atores continua a melhor possível. A figurinista, por sua vez, nega essa informação e fala que essa acusação ainda vai embrulhar o estômago de muita gente e por muito tempo.

E você, o que achou dessa grande polêmica? Deixe o seu comentário. A sua opinião é importante.