Um #Crime brutal e chocante deixou a população da cidade de Canoas na Região Metropolitana de Porto Alegre perplexos, uma mulher foi capaz de matar sua filhinha de 4 anos de maneira fria e macabra.

De acordo com o portal de notícias online do jornal Extra, a mulher identificada como Neila dos Santos Fagundes, de 30 anos, foi presa em flagrante e confessou que matou sua filha, Clarice dos Santos Fagundes, de 4 anos. O crime aconteceu no domingo (26). Saiba mais aqui.

Mãe dá facada fatal no coração de sua filhinha

O delegado da Divisão de Homicídios de Canoas, Valeriano Garcia, informou que a mulher confessou ter matado a filha com uma facada peito, bem no coração, ela falou sobre o crime macabro de maneira tranquila e sem demonstrar nenhum tipo de sentimento.

Publicidade
Publicidade

Ainda segundo o delegado, Neila disse que matou a filha atendendo ao pedido de alguns espíritos, segundo a mãe da garotinha, as vozes mandaram que a mulher matasse a filha e ela obedeceu, a mulher ainda disse que cometeu o crime em um momento de "queda no mundo espiritual". O delegado ficou abismado com a frieza da mulher que sequer demonstrou um lampejo de arrependimento.

Entenda como o crime aconteceu

As investigações mostram que o pai da garotinha havia saído de casa e ao retornar encontrou a esposa sobre o corpo da pequena Clarice. Desesperado ele pediu ajuda de um vizinho e levaram a menina para o hospital, mas ela infelizmente não resistiu e veio a óbito. O pai estava em estado de choque e disse que jamais imaginou que isso pudesse acontecer.

A Brigada Militar foi acionada e ao chegar na casa onde o crime aconteceu, encontrou Neila deitada em sua cama com um ferimento feito a faca em um dos ombros, segundo a criminosa ela teria tentado tirar a própria vida.

Publicidade

Contudo este ao não alivia em nada as acusações que recaem sobre ela.

Quando o delegado a perguntou se ela já tinha pensado em matar a filha antes, a mulher respondeu que sim e repetiu: "eu havia pensado quando a gente teve uma queda no mundo espiritual".

Neila Fagundes está internada no Hospital de Pronto Socorro de Canoas (HPSC), seu estado de saúde é estável e não corre risco de morte. A mulher se encontra sob escolta policial e assim que receber alta, será encaminhada para o sistema prisional.

Valeriano afirmou que até o momento não existe nenhum laudo que comprove que Neila sofra de algum distúrbio mental.

Assista aqui o vídeo onde a mulher confessa friamente o crime:

#Espíritos #Casos de polícia